Basicão Turístico – JARDIM BOTÂNICO. Rio

13 jul

Ah… Vou fazer uma confidência… A primeira lembrança que eu tenho de “Jardim Botânico” é o endereço do Xou da Xuxa, na década de 80. Alguns anos e séries escolares depois, entendi que o belo Jardim Botânico foi uma das “benfeitorias” realizadas pela Família Real Portuguesa, quando de sua estada fugitiva no Brasil (1808-1821).

Blá-blá-blá à parte, tanto por sua história, quanto por sua beleza, o JARDIM BOTÂNICO, na minha opinião, não deve deixar de constar no “pacotão basicão” do Rio de Janeiro. Fomos até lá na manhã do sábado, 25/06/2011.

COMO CHEGAR:

De metrô, basta descer na Estação Botafogo e, nesta estação, você pega o metrô de superfície até o Jardim Botânico. Para os totalmente leigos como eu, metrô de superfície, no contexto carioca, é um ÔNIBUS que opera no mesmo esquema do metrô: só para nas “estações” definidas, que são previamente anunciadas pelo sistema de som do veículo. Resumindo, é um ônibus coletivo que eles decidiram chamar de metrô. Assim que você sai da estação de metrô Botafogo dá de cara com ele:

Descemos na parada Jardim Botânico ( e, pra falar a verdade, nem sei se esta é a mais adequada.  Até o portão 920 do Jardim rende uma caminhadinha. Perguntei à cobradora do “metrô de superfície”, mas ela não foi muito solícita e acabei ficando sem a informação).

HORÁRIO e INGRESSOS:

O Jardim Botânico está aberto para visitação de segunda a domingo, das 08h às 17h.

Entrada e bilheteria – Portão 920.

Compramos os ingressos na hora, por R$ 5,00, com direito a um miniguia:

O PASSEIO:

Pra ser bem sincera, caminhamos aleatoriamente pelo parque, sem compromisso, só curtindo a paisagem e o climinha frio da manhã acentuado pela cobertura das árvores:

Aléia Barbosa Rodrigues.

Aléia Custódio Serrão.

Pelo miniguia fomos localizando alguns pontos de interesse, além de pontos de apoio, como o  agradável café  e a lojinha de souvenires (com seus preços  salgadinhos), ao lado do Cactário:

Muuuuito legal… Um passeio relaxante, de caminhadas tranquilas e clima sempre agradável (garantido pela densa vegetação), ideal para amenizar as agruras do Corcovado no dia anterior (24/06/2011). Mas é bom estar ciente: o Jardim Botânico é algo tipo um “Louvre Vegetal”… rs rs. Caso tenha interesse em conhecê-lo a fundo reserve, pelo menos, uma manhã para a visita.

De quebra, ao sair do Jardim, basta dar a volta no muro do Jockey Club para chegar na Lagoa Rodrigo de Freitas… Casadinha relaxante para uma amena manhã de sábado:

–  Mais informações sobre o Jardim Botânico no site www.jbrj.gov.br

–  Linha cronológica do Jardim (em PDF): cronologiaJB.RJ

Para continuar passeando pelo Rio, leia também Basicão Turístico Corcovado e Um Passeio pelo Centro.

Anúncios

7 Respostas to “Basicão Turístico – JARDIM BOTÂNICO. Rio”

  1. Santana 14/07/2011 às 21:43 #

    É impossível ver essas fotos do Jardim Botânico e não lembrar das aulas de História do Brasil, ainda nas primeiras séries… E eu, menino bobo do interior, folheava o livro de História, e achava lindas aquelas fotos, aquele lugar! Sonhava acordado… Naquele tempo, televisão era objeto de luxo, era para poucos. Hoje temos a internet, onde podemos fazer quase tudo. Naquela época viajávamos através dos livros, e éramos felizes no nosso mundinho!

    • misscheck-in 15/07/2011 às 07:49 #

      Poxa, Santana!! Também lembro como hoje de uma foto do Jardim Botânico em um livro meu de História no primário (na minha época era primário, hoje já nem sei… rs rs). Também viajava sozinha no meu “fantástico mundo de Bob”. Mas o bom é que hoje podemos ir até lá e conhecer tudo ao vivo! Revivendo nossas lembranças!

  2. Lilian 20/07/2011 às 09:38 #

    Essa foto ficou shoooooow! Eu quero muito conhecer o Rio. O bom é que já tenho as dicas 🙂 Beijosss

    • misscheck-in 20/07/2011 às 16:01 #

      Amiga! Essa foi minha primeira vez como turista meeeeesmo por lá. Foi a primeira vez que precisei me virar sozinha. Espero que minhas experiências (boas e ruins) possam te ajudar quando for passear pela Cidade Maravilhosa… Que continua Maravilhosa, apesar das filas, dos bueiros e das notícias desagradáveis do Jornal Nacional.

  3. Cíntia Machado 24/07/2011 às 12:22 #

    A cidade continua maravilhosa, apesar de tudo. Adoro morar, trabalhar e viver aqui. Uma pena que nem todos colaborem para que o Rio fique sempre lindo, mas há muito o que ver e fazer por aqui e só a cidade já é um encanto.

    Eu sempre digo, adoro o Centro, mas o Jardim Botanico é uma maravilha, não é. Sorte de que mora bem pertinho. Um lugar divino pra descansar e passar a manhã. No centro (São Cristovão) tem a Quinta da Boa Vista não é belo como o Jardim, mas é uma boa opção para quem tem crianças, tem zoo e muita diversão para os pequenos, além de um bom campo para pequeniques.

    Que bacana Anna seus passeios pelo maravilhoso Rio. Espero que tenha curtido toda a magia da cidade.

    Bjux!

    Cíntia Masa
    http://felicidadecomsimplicidade.blogspot.com/

  4. alejandro 30/07/2014 às 11:50 #

    Boa materia Miss!…bem proximo daí esta o parque Lage, com ingresso gratuito, e que bem merece uma visita.
    Peguei varias dicas do centro da cidade, e vou descobri em Outubro na minha proxima viagem

    • Anna Guimarães 03/08/2014 às 19:07 #

      Oi Alejandro!
      Valeu a dica.
      Fiquei na vontade de conhecer o Parque Lage. Lindo demais!
      Mas não deu. Ficou para próxima (que espero, inclusive, que não demore rsrsrs)
      Abraço,
      Anna

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: