Confeitaria Las Violetas – BUENOS AIRES

8 jan

28/12/2011 – Tentado fugir do cardápio básico turístico de Buenos Aires (não que não valha a pena, mas uma fugidinha pode render descobertas interessantes),  fomos parar do outro lado da Av. Rivadavia, quadras e quadras depois da 9 de Julho, no caminho para o afastado Bairro Flores.

Nosso destino:  esquina da Rivadavia com Medrano. Ali  fomos buscar nosso café da manhã requintado, nessa elegante e histórica  confeitaria,  Las Violetas.  O lugar fica tão afastado que não aparecia em nenhum dos mapas turísticos que eu trazia na bolsa. Mas de táxi chegamos rapidinho e, 20 pesos depois (saindo do nosso hotel, na esquina da Rivadavia com a Av. 9 de julho), estávamos na Confeitaria.

Ao cruzar a porta de vidro, nossos olhinhos curiosos eram puro deslumbre. Um salão amplo, ornado com vitrais franceses e mármore italiano. Decoração do século XIX, nos moldes do que esperávamos de uma confeitaria de mais de 125 anos.

E, por falar em confeitaria, as vitrines de doces, bolos, chocolates e por aí vai, dificultam bastante a tomada de uma decisão simples: definir algo para abrir com chave de ouro o nosso desjejum.

No cardápio, graciosamente decorado com uma das imagens dos vitrais do salão, mais uma avalanche de opções, mas, diante da euforia da gula, nossa decisão foi manter o foco e pedir o que havíamos planejado desde o nosso quarto, aqui em casa, quando decidimos ir a confeitaria: um chá da tarde, refeição mais famosa do Las Violetas.

Valores de Dezembro de 2011

Pedimos um  MARIA CALA, opção intermediária entre o mais simples e o mais completo, que o garçom garantiu que servia tranquilamente duas pessoas. Não vou mentir que os 100 pesos de café da manhã assustaram um pouco, mas em uma conversão superficial, decidimos que 50 reais valia o esforço de ter um café da manhã de burguês.

Cerca de vinte minutos depois,  lá vem o garçom com um banquete na bandeja. Sinceramente, acho que servia umas oito pessoas (rs). Tentando fugir da gula, acabamos afogados em um mundo de pãezinhos, bolinhos, docinhos, tortinhas, geleias. Tudo lindo e saboroso, mas comida demaaaaais  para duas barriguinhas rasas como as nossas.

Chá Maria Cala – 100 pesos.

Mas, corajosamente, encaramos.  A opção seria a ideal se tivéssemos mais apetite ou mais companhia. Em meio a tantas guloseimas, acabei me afeiçoando à uma das simples, o bolo de nozes. que cativou pela simplicidade caseira.

O chá incluía  um suco E um café OU um chocolate quente. Para nós dois, pedimos um café e um suco a mais, o que aumentou em 18 pesos nossa já dilatada continha:

Apesar do desperdício,  nosso investimento matinal valeu. Nossa experiência foi a melhor possível. O ambiente é muito agradável, o atendimento é satisfatório e a comida é ótima. A propina (gorjeta, que não vem incluída na conta, mas que é recomendável que você ofereça entre 10 e 15% do valor total) garante ainda um largo sorriso e a chance de tirar fotos de tudo (até das receitas, a depender do valor ofertado:  tese do Hélio). Assim, pedimos para tirar fotos do chiquérrimo salão dos vitrais, ao fundo da confeitaria.

Puro requinte. Como já disse, vitrais franceses, minuciosamente restaurados em 2001, quando da reabertura da confeitaria.

INFORMAÇÕES ÚTEIS:

– Endereço:  Av. Rivadavia (esquina com Calle  Medrano), nº 3899 (sentido oposto à Plaza de Mayo).

Como chegar: Táxi e metrô são as melhores opções. A pé, renderá uma longa, porém possível, caminhada pela Av. Rivadavia, sentido Bairro Flores.  De metrô, basta descer na estação CASTRO BARROS (linha A), localizada a poucos passos da Confeitaria.

– Além de café da manhã, também oferecem almoço e jantar. Leia tudo sobre a confeitaria em seu site www.lasvioletas.com (c0m versão em português).

– Mais sobre a história da Las Violetas aqui.

– Apesar de estar mais afastada do circuito turístico de Buenos Aires, Las Violetas é famosa e já começa a ser bastante procurada por turistas, inclusive brasileiros. Ainda assim, o lugar continua sendo um tradicional ponto de encontro de argentinos.

#ficaadica 😉

Anúncios

16 Respostas to “Confeitaria Las Violetas – BUENOS AIRES”

  1. Diogo Figueiredo 09/01/2012 às 09:00 #

    Você está arrasando nas dicas da terra dos hermanos. Lugares que desconhecia completamente. Repetia os mesmos passeios, sem este toque de charme inusitado. Adorei!!!

    • Anna Guimarães 09/01/2012 às 09:08 #

      kkkkk Vc é ótimo, Digo! Mas, falando sério, gostaria de fazer uma série de Buenos Aires e, para isso, gostaria muito de contar com suas dicas. Ninguém que eu conheço tem mais dicas portenhas que você.
      Owww! Faz uns posts pra nós, faz! Por favor, por favor! kkkkkkkkkkkkkk
      Vou ficar esperando! 😉

  2. LN Amine Serpleloni 09/01/2012 às 15:04 #

    Hummmm…pouquinho caro…mas irei lá…
    Tudo muito lindooo!!!!

    bjo

    • Anna Guimarães 09/01/2012 às 17:46 #

      Bina! Mas o transporte compensa. Há duas estações de metrô bem próximas ao seu hotel. Com 2,20 pesos (menos que R$ 1,40) por pessoa, você vai e volta. Tem mapa do metrô aqui no blog. É um boa dica para economizar na locomoção. Táxi é barato, mas você vai notar que o dinheiro não rende e ficar gastando 10, 20, 30 pesos por corrida, acaba pesando no orçamento.
      Afff… Estou tão ansiosa por essa sua viagem! Parece até que sou sua mãe! kkkkkkk
      Beeeeeeeeeeeijo apertado no coração.

  3. Lilian 06/02/2012 às 19:58 #

    Eu preciso voltar em BSAS! Já vi que por lá, não conheci quase nada! 😦 Bjosssssssssssss Aninha.

  4. alice 21/01/2013 às 17:35 #

    Gostei das dicas..amanha vou e depois conto….

  5. Lena 24/09/2013 às 19:44 #

    Estive agora em setembro de 2013 e o preço já subiu muito, de 100 pesos passou para 140 o Maria Callas sem o champagne, e 160 pesos o MC acompanhado de champagne, mas vieram 2 sucos ao invés de 1, como avisado aqui no blog. O atendimento foi básico, nem bom, nem ruim…. neutro. Os sanduíches e doces estavam bons, não maravilhosos, mas continuo achando que vale a visita. Uma boa dica que recebi de um motorista de táxi é que o que sobrar vc pede para embrulhar e leva para o hotel para comer mais tarde. Segundo esse motorista é praxe fazer isso lá… estragar ou jogar comida fora, jamais! Ah… Como visto nas fotos o blog, os vitrais são lindíssimos. Vale a visita!

    • Anna Guimarães 25/09/2013 às 01:13 #

      Oi Lena!
      Obrigada pelo retorno.
      Acho a comida de lá muito boa.
      Gostei muito de tudo que veio no nosso chá, pena que era muuuuita comida.
      Fizemos isso também. Embalamos tudo pra viagem e levamos para o hotel, mas acabamos desperdiçando do mesmo jeito, pois não conseguimos dar conta de tudo mesmo assim. Uma pena.
      O atendimento é bem neutro mesmo. Satisfatório como disse… Resolve, mas não encanta kkkkk

  6. Martha R de Castro 19/09/2014 às 14:19 #

    Lamento informar. Estivemos no último sábado 13/09/2014, e lá encontramos um panorama bem diferente. O serviço foi péssimo, os garçons sequer nos davam ouvidos. O tal de “Maria Calas” com certeza aviltou a “diva da opera”.Tanto os doces quanto os sanduíches, se assim podemos chama-los, causaram-nos repugnância. Parecia prato feito de boteco.Detalhe: toda a louça em que fomos servidos estava lascada.
    Quanto à arquitetura ,o prédio é belíssimo, e só.

    • Anna Guimarães 21/09/2014 às 19:10 #

      Que pena, Martha!
      Na verdade, a reclamação em relação à queda na qualidade dos serviços de Buenos Aires tem sido constante.
      O momento que eles estão vivendo não ajuda muito. Uma pena.
      Obrigada por seu comentário. Vai ajudar a orientar outras pessoas interessadas em conhecer o lugar.
      Abraço,
      Anna

  7. Martha R de Castro 19/09/2014 às 14:22 #

    Apenas corrigindo o meu e mail

  8. Mario Viega 24/09/2014 às 14:47 #

    Uma pena mesmo Ana, ver o caos em que a Argentina está mergulhada.
    Cafés, calçadas, praças, tudo hoje é um retrato da crise que o país enfrenta.
    E nós, pelo visto, caminhamos a passos largos para a mesma situação. A alta do dóllar é prova disso. Pra os viajantes de plantão, tem sido assustador.

  9. CLENIO 24/03/2016 às 17:10 #

    EU GOSTARIA DE RECEBER A RECEITA DESSE MISS CHECK-IN

Trackbacks/Pingbacks

  1. Confeitaria Las Violetas – BUENOS AIRES - 12/10/2013

    […] BUENOS AIRES8jan […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: