CARACASBAAI – Curaçao

26 ago

 O nosso planejamento de viagem em Curaçao consistia em: todo dia de manhã eu abria o mapa, corria o dedinho por aquele monte de palavrinhas até achar uma que me intrigasse. Foi assim que encontrei a Caracasbaai (onde, baai = baía).

Clique no mapa para ampliar.

 Claro que corremos o risco da nossa escolha ser a maior furada, mas em Curaçao acho difícil. Todo cantinho tem alguma coisa para oferecer e a Caracasbaai, bem local e bem rústica, para nós foi um achado.

Vindo de Willemstad, você pode seguir direto, sentido SeaAquarium Beach, e de SeaAquarium Beach continuar seguindo até se deparar com a baía.

Nós optamos por seguir pela rodovia Caracasbaai weg e… Depois de rodar, se perder, se achar e se perder de novo, indo parar até no Presídio de Curaçao, conseguimos achar a baía (acredito que por SeaAquarium deve ser mais fácil).

Assim que chegamos, já nos encantamos com o repetitivo e sempre fascinante mar azul piscina de Curaçao.

E quem  disse que Curaçao só tem praias pagas? Caracasbaai é de graça e, talvez por essa razão, é bastante procurada pelos locais com suas farofadas locais, até porque, não só a praia é de graça, como também a meia dúzia de palhoças com mesinhas. Praia para todos, minha gente! 😉

A praia é curtinha e bem estreita. A areia é pedregosa e há pedras na parte mais rasa (ideal entrar na água calçado para se proteger). Tudo isso é bem básico em Curaçao. A novidade fica por conta de alguns “focos” de sujeira. Mas, como sempre, a água é cristalina, tranquila e quentinha.

Fomos num dia de semana e já encontramos todas as mesas ocupadas. Aos finais de semana deve lotar. Eu acho que ir nos dias mais tranquilos deve ser mais interessante. Mais à frente, encontramos uma área mais isolada, onde não havia ninguém, nem mesinhas. Em compensação, tínhamos aquela água toda só pra nós! (sem sujeirinhas inconvenientes) 😉

De quebra, nos deparamos com uma paisagem belíssima, aos pés do Forte Beekenburg (1703).

Um lugar solitário, deserto e silencioso, meio Lost (não sei se aos finais de semana fica tão Lost assim):

Queríamos explorar mais, mas todo aquele mato rodeado de nada, sem um pé de gente pra contar história, acabou nos intimidando… Preferimos tirar todas as fotos possíveis sem descer do carro e voltar para a parte mais movimentada da baía.

Depois do banho, paramos para almoçar no único restaurante das imediações: o Pops Place. Nada mais que uma cabana de madeira bem simples, às margens da baía. Simples e bem nativo, na exata medida do que procurávamos.

Os preços também (em florins) nos pareceram bem atrativos e casando a fome com a vontade de comer e gastar pouco, estacionamos nossas barriguinhas no “Place”:

Ocorre que o cardápio estava nos dois idiomas locais, papiamento e holândes (ambos igualmente incompreensíveis) :

Como disse no post anterior, ou você vai de uni-duni-tê ou procura rapidamente alguma foto de qualquer coisa para tentar explicar o que quer. O Hélio foi de foto:

E eu, quando bati o olho em nuggets, não tive dúvida, certa de que “nugget” é algo universal:

Note que você entende o que é “galiña”, mas o que seria a “pia”?

Embora muitos nesse momento possam estar me criticando por gastar um almoço em restaurante com nuggets, acabou que o prato foi uma grata surpresa. Não pelos nuggets, que são iguais (e gostosos) em qualquer idioma, mas pelos molhos e pela salada tropical (com abacates) que acompanhavam:

Esse molhinho avermelhado, algo tipo um agridoce suavemente apimentado, custou a sair da minha cabeça. O molho mais escuro, sob os nuggets, mais encorpado e suavemente temperado, também muito bom, deram um toque gourmet a um prato injustamente rotulado de Mc Lanche Feliz 😉

O Hélio queria um peixe, mas no cardápio era impossível decifrar onde o peixe estava. Nas fotos, ele mostrou o tão sonhado prato para a atendente, quando então descobriu que peixe é “piska” e o seu pedido nada mais era que um “piska korá”.

Piska Korá – 30 Naf (florins)

Quando o Piska chegou, lindo, crocante e dourado, em pouco tempo virou peixe de desenho animado (o que demonstra, de fato e de foto, o quanto superou nossas expectativas), também acompanhado pela salada tropical de abacates:

O atendimento é lento e, por ser um lugar mais frequentado por locais, eles arranham, bem arranhado, um inglês enrolation. A comida, sobretudo o piska, demora a sair, mas quando chega, faz tudo valer a pena. E a conta não assusta.

Os preços estão em florins, mas eles aceitam dólares. Contudo, pagamos em dólar e recebemos o troco em florin. E… Furada… Esqueci  de perguntar se aceitam cartões… Distraída com a tranquilidade azulada da vista 🙂

Resumindo:

Praia: Caracasbaai – gratuita

Acesso: via Caracasbaai weg ou pela via de acesso a SeaAquarium Beach (acesse o mapa completo de Curaçao aqui).

Pontos de interesse:  Banho/ Snorkel / Forte Beekenburg.

Para comer: Pops Place – comida regional

Estacionamento: gratuito

Dica: a Caracasbaai fica coladinha em Spanish Water (Spaanser Water), uma região bastante procurada em Curaçao.

MAIS SOBRE CURAÇAO? Temos sim! 😉

ABC do Caribe – Dicas Úteis

Queijos e Licores

Waterfort Arches

Desarrumando as malas em Curaçao

Anúncios

6 Respostas to “CARACASBAAI – Curaçao”

  1. Sergio 27/08/2012 às 12:40 #

    Caraca! Tive em Curaçao e não conheci esse lugar. Bonito paca.
    Kenepa Grandi também é uma praia muito legal.

    • Anna Guimarães 01/09/2012 às 20:35 #

      Poxa, Sergio!
      Kenepa Grandi não conheci, mas realmente já ouvi falar muito bem.
      Preciso voltar… kkkkk

  2. Marie 28/08/2012 às 09:46 #

    The shared info is pretty helpful. Thanks for sharing.

  3. Aerton 28/09/2012 às 11:54 #

    Esse peixe deixa qualquer um com água na boca.

Trackbacks/Pingbacks

  1. Scuba Lodge & Suites – CURAÇÃO « Miss Check-in - 11/11/2012

    […] – Caracasbaai  […]

  2. Queijos & Licores – Delícias de CURAÇAO | Miss Check-in - 15/11/2015

    […] – Caracasbaai […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: