Oficina de Ladrilhos – ARACAJU.SE

17 jun

Buscando no Google, a informação é basicamente a mesma: os ladrilhos hidráulicos –  essas peças usuais na arquitetura, largamente utilizadas nas construções do século XIX – são uma tradição milenar. Sua utilização como revestimentos remonta o século IV, quando passaram a ornar as imponentes construções do Império Bizantino. Desde então, passaram a compor a arquitetura de casarios e casarões na Europa e, posteriormente, no Brasil Colônia. Resumindo, quem nunca entrou em uma casa antiga, cujo piso trazia uma dessas formas?

Os ladrilhos foram exaustivamente utilizados no Brasil do século XIX e início do século XX, período também em que surgiram as primeiras fábricas nacionais dessas peças:

Anúncio de 1918 - disponível em marcianassrallah.com.br

Anúncio de 1918 – disponível em marcianassrallah.com.br

Mas, com o passar do tempo e na onda monocromática do Modernismo, caíram em desuso e foram, hidraulicamente ou não, mergulhados no esquecimento. De repente, voltaram com tudo e atualmente até a mais it das girls sabe o que é um ladrilho hidráulico. Virou tendência, virou moda, mas continua artesanal e rústico, tal qual era nos tempos áureos dos casarões abastados, de varandas generosas e cozinhas tamanho família.

Casa Rui Barbosa - Cozinha

Cozinha da Casa Rui Barbosa – foto gentilmente enviada pela leitora Fernanda Costa, arquiteta da Fundação Casa de Rui Barbosa (casaruibarbosa.gov.br)

Foi o que descobrimos na OFICINA DE LADRILHOS. Um lugar  simples, empoeirado e incrível, faceiramente localizado à margem da Rodovia dos Náufragos, em Aracaju.

A placa há muito já havia me chamado a atenção, mas foi por uma questão puramente imobiliária que, sedenta de preços mais em conta, fui bater nessa lojinha de fachada colorida e modesta.

Ladrilhos e mais ladrilhos, por todos os lados. E pra mim que, até então, achava uma raridade encontrar uma casa do ramo de decoração que vendesse um material tão singular, era como ser chocólatra e entrar na Fantástica Fábrica de Chocolate.

De todas as formas, todas as cores, pra pronta entrega ou por encomenda, nas formas e cores escolhidas por você.  E não! Eu não estava sonhando.

Eu, que faria qualquer esforço por uma varanda ladrilhada, e estava pronta e feliz, na medida do possível, pra pagar R$ 38,00 por cada ladrilho e esperar 30 dias para entrega deles, agora tinha prateleiras de ladrilhos, prontinhos, por R$ 12,00 cada peça.

Não bastasse isso, o razoável espaço se divide entre o estoque das peças e a resumida oficina:

Moldes de latão pelas paredes:

E pigmentos distribuídos em recipientes improvisados:

A produção, artesanal, conta com uma forma de ferro onde são encaixados os moldes que  serão preenchidos com as cores.

E assim segue o artesão, ladrilho a ladrilho, apenas com pigmentos e cimento e, daí porque o nome hidráulico, pelo fato de ser feito apenas com massa molhada, sem nenhum processo de queima (pesquei do site deles… ihihih)

A chance de presenciar todo o processo só confirmou minha admiração por essa arte milenar.  Não só pela beleza clássica desses mosaicos, mas por seu ar colonial e cativante, sempre fui atraída por essas cores que remetiam a outro tempo. Por tudo isso, pra quem aprecia as peças ou a história, ou os dois, acho a Oficina dos Ladrilhos um passeio imperdível.

INFORMAÇÕES ÚTEIS

Endereço e Telefone: Rodovia dos Náufragos, 7458, Robalo, Aracaju/SE – (79) 9971-0569

Sitehttp://www.oficinadeladrilhos.com

NÃO trabalham com cartões de crédito. O valor total da sua compra pode ser parcelado em uma entrada de 50% e o restante no ato da entrega das peças.

– As peças avulsas saem por R$ 15,00. O metro quadrado custa R$ 300,00, com cada peça saindo por R$ 12,00.  (valores praticados em junho de 2013)

#ficadica – A Rodovia dos Náufragos leva ao litoral sul da capital. Dá acesso à Ponte Joel Silveira e à Orla do Pôr do Sol.  É a continuação da Av. Melício Machado, que corta a Zona de Expansão e o Bairro Aruana. Uma vez nessa região, pode esticar o passeio até a Orla do Pôr do Sol e ao Bistrô Twin, que tem uma vista imperdível do Rio Vaza Barris. Falamos dele aqui.

– Mais sobre Aracaju no nosso post Aracaju – post a post.

Anúncios

22 Respostas to “Oficina de Ladrilhos – ARACAJU.SE”

  1. galvão 19/06/2013 às 22:41 #

    muinto caro, aqui em Minas, ou em SP ou Rio cada pç sae por 7,50 e as fabricas são identicas a essas q vc viu ae, todas artesanais com as mesmas tecnicas de antigamente.

    • Anna Guimarães 20/06/2013 às 00:06 #

      Sei disso, Galvão.
      O caso é que essa oficina fica a 10 minutos da minha casa… Já Minas, São Paulo e Rio…

    • salvatore ledda 04/10/2014 às 07:53 #

      Galvão , você vende muito barato, depois e muito caro se uma pessoa compra um duas peças e caro , ma se compra varios metro quadrados sai mais em conta.
      Que acha vender uma pç so por 7,5 reais

    • salvatore ledda 04/10/2014 às 16:14 #

      Caro Galvão , o caro é relativo , primeiro as materias primas som mais cara para compra causa do frete e distância, segundo precisa valorizar esta arte que não encontra mais ladrilheiro e formá-los sai caro.
      Depois como som pedra de decoração um conto e vender de uma a 10 pedras tem um valor outro um encomenda de vários m² o valor é outro.
      Mas sempre com respeito

      • Anna Guimarães 08/10/2014 às 10:18 #

        Oi Salvatore!
        Tudo bem?
        Sou cliente da Oficina. Amo o trabalho de vocês.
        Realmente não é um material barato, mas é artesanal, milenar e rico em cultura e História, além de muito lindo.
        Como disse, para quem gosta desse estilo, vale cada centavo.
        Abraço,
        Anna

  2. marlos 28/07/2013 às 06:33 #

    oi. em novembro de 2013 eu vou me formar em guia de turismo regiona e tava eu fazendo uma pesquisa sobre casarões do bairro industrial, e encontrei o oficina de ladrilho achei muito interessante, e creio que vou até levar turistas para conhecer o local. as.marlos vladimir

    • Anna Guimarães 03/08/2013 às 10:18 #

      Leva mesmo, Marlos!
      É uma experiência muito bacana! 😉
      Abraço,
      Anna

  3. Neire 18/08/2013 às 01:16 #

    Estou impressionada! Vc descobre coisa, hein, menina!

    • Anna Guimarães 18/08/2013 às 21:19 #

      Ah-ah! Um achado essa oficina, né, Neire?
      Adoramos essa descoberta 😉

  4. Dejane 04/09/2013 às 23:06 #

    oi Ana quanto tempo,estive em sua querida cidade e ameeeeeeeeei muito,pena que foi por pouco tempo,mas fikou com um gostinho de quero mais,e vou repetir.

    bjkas

    • Anna Guimarães 04/09/2013 às 23:49 #

      Aaaah Dejane!
      Não acredito!
      Sério? Nem fiquei sabendo!
      Mas que bom que gostou.
      Aracaju é uma lindinha, né?
      Volta mesmo 😉
      Beijo

  5. Karlota 27/01/2014 às 00:30 #

    Obrigada pelas dicas de turismo em Aracaju. Visitar a Oficina de Ladrilhos foi gratificante!

  6. Fernanda 23/12/2015 às 14:00 #

    Anna, estou a procura de dicas sobre Aracaju para uma viagem no próximo ano e encontrei seu blog… estou adorando. Como também sou arquiteta, achei interessante o post sobre os ladrilhos hidráulicos, porém, como trabalho na Casa de Rui Barbosa/ RJ, não poderia deixar de comentar q a foto utilizada no post não mostra ladrilhos hidráulicos e sim os azulejos que revestem a copa do museu. Ladrilhos só temos nos pisos, inclusive desse ambiente.

    • Anna Guimarães 25/12/2015 às 00:49 #

      Oi Fernanda
      Tudo bem?
      Obrigada pelo seu comentário. Amei! (A arquiteta da Casa Rui Barbosa por aqui… Que orgulho! rsrs)
      Na verdade, coloquei a foto mais para ilustrar cozinhas de antigamente.
      Mas se você tiver uma foto da cozinha mostrando o chão de ladrilhos… Nooooossa! Seria um prazer inserir no post (com os créditos, claro)
      Sobre Aracaju, qualquer dúvida, é só falar. Será um prazer ajudar.
      Abraço,
      Anna

      • Fernanda 06/01/2016 às 10:42 #

        Olá, me informe um e-mail onde eu possa te enviar a foto… por aqui não sei como fazer!?

Trackbacks/Pingbacks

  1. Dicas de Aracaju – post a post | Miss Check-in - 21/06/2013

    […] – Oficina de Ladrilhos […]

  2. Ateliê 22 – o primeiro e estiloso Cama e Café de Aracaju | Miss Check-in - 26/08/2013

    […] O Ateliê 22 combina com Oficina de Ladrilhos e Bistrô […]

  3. Bar Pantanal em Matapuã – boa comida e banho de rio em Aracaju | Miss Check-in - 10/03/2014

    […] – O Pantanal fica na mesma região do Ateliê 22 e da Oficina de Ladrilhos. […]

  4. Reciclaria e D’adiv Restaurante – ARACAJU | Miss Check-in - 04/05/2014

    […] pra não perder o costume, mais um gatinho para a coleção da minha galeria. Com esse BG de ladrilho hidráulico  ficou ainda mais fofo! […]

  5. GUIA DE ARACAJU – SERGIPE | Miss Check-in - 30/01/2016

    […] – Oficina de Ladrilhos […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: