MOULIN ROUGE – A experiência da Rafaella :)

31 mar

30/03/2014| Hoje – que legal – a dica vem direto da Espanha, da leitora e agora web-amiga Rafaella Pinto. E pra começar, um clássico, o relato da Rafa sobre sua recente experiência no icônico Moulin Rouge  em Montmartre, Paris. Vamos lá?

Olá gente, me chamo Rafaella, casada, paraense, com casa em São Paulo e atualmente morando em Madrid. Conheci a Anna através do blog, trocamos umas ideias e hoje vim dar minha opinião sobre o Moulin Rouge, um dos passeios que fiz em Paris no último final de semana. 

Moulin Rouge

Bem, eu já tinha uma certa vontade de ir nesse lugar, pois assisti o filme Moulin Rouge (2001, com Nicole Kidman e Ewan McGregor) e me encantei. Pra quem não sabe, a casa é um famoso cabaret parisiense que abriu as portas em 1889, e nos remete à boemia parisiense do período da Belle Époque.

Moulin Rouge - Montmartre

Se não me engano, tem espetáculo todos os dias. Porém, aconselho que comprem o ingresso pela internet (http://www.moulinrouge.fr/reservations/index.html), pois fui segunda-feira passada, período de baixa temporada, e ainda assim estava lotado!

Moulin Rouge - Paris

Dica número 1: Cheguem um pouco cedo, os assentos não são enumerados e se chegarem em cima da hora vão colocá-los no pior lugar. Como eu fui cedo, sentei colada no palco, o que me possibilitou ver melhor o espetáculo (ainda que meu marido tenha olhado mais de perto ainda os seios das dançarinas que ficam no palco).

Dica número 2: Bem, pra quem tem muito piti ciúme e não aguenta a ideia do seu namorado/marido olhar o peito de outra mulher mesmo que seja num espetáculo, lá com certeza não é o seu lugar. As dançarinas ficam de seios expostos a maior parte do tempo (e elas não são feias!).

Dica número 3: Se você é o tipo de turista que tem muito dinheiro sobrando, o espetáculo dá a você a opção de ingressos com jantar, sem jantar ou com champagne/drinks (meia garrafa). O preço de todos é salgadíssimo: o mais barato é 99 euros (só entrada no espetáculo), e o mais caro 210 euros (jantar) (pasmem). É melhor não converter nem o mais barato… (valores de Março de 2014).

Dica número 4: Não ouse tirar fotos do espetáculo, é explicitamente proibido.

 

Como chegar lá? Bem, eu estava hospedada um pouco perto do Moulin Rouge e dei uma caminhada pra chegar lá, mas você tem a opção de ir de táxi ou metrô (a estação Blanche fica bem na frente). Só fique atento ao horário, pois o último espetáculo acaba mais de 1h da manhã, esse horário o metrô já está fechado. Também fui embora caminhando, pois não é sempre que podemos nos dar esse luxo de caminhar tranquilamente pela rua de madrugada, né? Outro agravante é que só fui caminhando porque não estava sozinha, estava com o meu marido.

Mapa Moulin Rouge - Paris

E no final das contas, valeu a pena? A resposta é SIM! Eu adorei o atendimento da casa, o espetáculo, tudo… é o tipo de programação noturna imperdível quando se está em Paris. Recomendadíssimo!!! Só não vou contar os detalhes do show pra não estragar a surpresa de vocês, né? 

Espero que eu tenha esclarecido algumas dúvidas e ajudado vocês!

 Beeeeeeijo!!!

Rafaella Pinto (texto e fotos)

– Continue passeando por Montmartre, região onde fica o Moulin Rouge, no  post Montmartre a pé.

– Para aprender a usar o metrô de Paris, leia também Paris de metrô.

– Site do Moulin Rouge www.moulinrouge.fr

– Site da loja oficial do Moulin Rouge www.moulinrougestore.com

Desde abril de 2015 somos parceiros do TicketBar. Você pode agilizar sua viagem e driblar filas através desse serviço em Paris e outras cidades pelo mundo. Por lá você vai encontrar:

SHOW E JANTAR NO MOULIN ROUGE

JANTAR MUSICAL EM MONTMARTRE

CRAZY HORSE SHOW

NOITE REAL EM VERSAILLES

City Tour + Cruzeiro + Almoço na Torre Eiffel

– Todos os serviços e passeios oferecidos em Paris aqui.

Anúncios

6 Respostas to “MOULIN ROUGE – A experiência da Rafaella :)”

  1. Rafaella Pinto 31/03/2014 às 08:59 #

    É isso aí Anna! Vamos compartilhar as informações!!! 😀

    • Anna Guimarães 31/03/2014 às 09:13 #

      Ficou perfeito, Rafa!
      Adorei suas dicas 😉
      Obrigada por dedicar um pouco do seu tempo para escrever um post pra nós.
      Suas experiências serão sempre bem-vindas!
      Beijo,
      Anna

Trackbacks/Pingbacks

  1. Montmartre a pé – Percurso para a Sacré Coeur – PARIS | Miss Check-in - 15/01/2015

    […] Nosso roteiro é bem objetivo e pode ser feito em uma manhã ou tarde. À tarde, você pode esticar a visita e  jantar em um dos muitos restaurantes da Place du Tertre ou passar o tempo nos cafés que enchem as calçadas da colina com suas cadeirinhas charmosas e entrar noite adentro  assistindo a um show do Moulin Rouge. […]

  2. Onde ficar em Paris: nossa experiência no TIMHOTEL MONTMARTRE. | Miss Check-in - 18/03/2015

    […] – Uma noite no Moulin Rouge […]

  3. Jardins de Monet – Como ir de Paris a Giverny | Miss Check-in - 24/04/2015

    […] – Uma noite no Moulin Rouge […]

  4. Jardins de Monet – Giverny: atualizações 2012. | Miss Check-in - 24/04/2015

    […] – Uma noite no Moulin Rouge […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: