Tag Archives: Sergipe

LAGOA AZUL – ABAÍS – Estância.Sergipe

9 jan

No litoral sul do Estado, três praias compõem o circuito de veraneio de sergipanos e turistas: Caueira, em Itaporanga d’Ajuda, e Abaís e Saco, em Estância. Fugindo do esquema ‘sol e mar’, na região do Abaís a LAGOA AZUL é uma ótima opção para quem busca tranquilidade e um banho revigorante de água doce.


A Lagoa fica na rodovia litorânea SE-100, no caminho entre a Praia do  Abaís  e Aracaju, a aproximadamente 25km da Ponte Joel Silveira, na saída da capital.

Lagoa Azul - Praia do Abaís - Estancia.SE
À margem da pista, aproximadamente 5 km após o Posto da Polícia Estadual (CPRV), dois restaurantes – Lagoa Azul e Lagoa Mar –  oferecem estrutura e acesso free à lagoa. Mas só abrem aos finais de semana e feriados.

Restaurante Lagoa Azul - Abaís - Estância-SERGIPE

Restaurante Lagoa Azul – ABAÍS – Sergipe

Nós gostamos do Lagoa Mar. Além de uma boa estrutura, é menos badalado que o Lagoa Azul, que costuma ficar lotado aos finais de semana.

Restaurante Lagoa Mar – ABAÍS – Sergipe

A opção nos garante um banho mais tranquilo em um ambiente menos disputado. A comida é razoável.

Galinha de Capoeira com pirão – R$ 60,00 (valor em janeiro de 2016)

Mas o conjunto vale a escolha 😉 < ouvi comentários que o Catado de Aratu do Lagoa Mar  é muito bom, mas não cheguei a experimentar. É servido como tira-gosto e em janeiro de 2016 estava custando R$30,00 >

Caldinho de Camarão – R$ 8,00 (valor em janeiro de 2016)

Na minha opinião, o ponto alto mesmo é a ‘prainha’ de água cristalina à sombra de um eucalipto.

Restaurante Lagoa Mar - Lagoa Azul-Abaís-Sergipe -fotodomisscheck-in

O banho entre peixinhos é uma delícia, com direito a uma beliscada de vez em quando. As crianças adoram! (Os adultos também)

Abaís - LAGOA AZUL - Estância-Sergipe

E os patos, que moram na casa ao lado, vira e mexe aparecem para completar a paisagem.

Lagoa Azul.Abaís-Estância.SE

Um pouco mais adiante, próximo ao trevo para a Praia do Saco, tem o banho com tambaquis, conhecido como Lagoa dos Tambaquis. Mas fica em uma propriedade particular e o acesso é pago (3,50 por pessoa). Também é um ótimo passeio para quem está com crianças.

 PARA CHEGAR À LAGOA AZUL, partindo de Aracaju, siga em direção ao litoral sul do Estado, atravessando a Ponte Joel Silveira para acessar a Rod.SE-100 (Rodovia Ayrton Senna). Você vai passar pela entrada da Praia da Caueira e continuar seguindo, sentido Praia do Abaís e Praia do Saco. Ao avistar o trevo onde está o Posto da Polícia Estadual (CPRV), vire à esquerda (sentido Abaís), entrando no trevo e passando em frente ao posto policial. Em pouco tempo a lagoa surge à sua direita. O primeiro restaurante, Lagoa Azul, surgirá uns 5 km após o trevo, e o Lagoa Mar está logo depois. Para a Lagoa dos Tambaquis, siga em frente e fique atento à placa sinalizando a entrada à direita, um pouco antes do trevo para a Praia do Saco 😉

  PARA NÃO CONFUNDIR, vale dizer que a Lagoa Azul é a maior lagoa natural de Sergipe e, por isso, recebeu o nome de  Lagoa Grande. Mas hoje quase todo mundo conhece o local como Lagoa Azul. Na outra ‘ponta’ do Estado, outra lagoa muito procurada é a Lagoa Redonda, mas essa fica em Pirambu, litoral norte de Sergipe.

Assim, Lagoa Azul (na foto) = Lagoa Grande ≠ Lagoa Redonda

 Restaurante Lagoa Mar – Aberto aos finais de semana e feriados, a partir das 09:00. Contato: (79)99990-9795. Aceitam cartões.

– Mais sobre Aracaju em Aracaju post a post.

– Dicas de passeios com crianças em Aracaju com crianças.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas de Sergipe e Aracaju  através das hashtags:

#sergipenomiss

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

 

 

 

 

Anúncios

GUIA DE ARACAJU – SERGIPE

9 dez

Todos os posts do blog para você montar seu roteiro em Aracaju do seu jeito, no seu tempo 😉

NO INSTAGRAM @misscheck

Você encontra fácil nossas dicas de Aracaju no Instagram através das hashtags:

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

ONDE FICAR – Opções de Hospedagem

Ateliê 22 – Cama&Café (na praia de Aruana)

Suítes Atalaia – Cama&Café (na praia de Atalaia – Bairro Coroa do Meio)

Aruanã Eco Praia Hotel (na praia de Aruana)

Hotel Fazenda Boa Luz (em Laranjeiras – 15 km de Aracaju)

Prodigy Beach Resort (antigo DIORO e STARFISH  – na Ilha de Santa Luzia, Barra dos Coqueiros)

 

O QUE FAZER/ O QUE CONHECER

Programas com crianças

Caju Bike – Passeio de bicicleta

Colina do Santo Antonio

Praça dos Mercados

– Teleférico do Parque da Cidade

– Orlinha do Bairro Industrial.

Guloseimas do Mercado

Cordel no Mercado

Museu da Gente Sergipana

Um passeio pelo Centro

Oficina de Ladrilhos

Reciclaria – Oficina de Móveis

Boa Luz Zoo Parque 

Pré-Caju

– Carnaval – o que abre e o que fecha

ONDE COMER

– Entendendo o cardápio

Restaurante Caçarola ( Comida Regional – no Mercado)

Bistrô Twin ( Cozinha refinada com vista para o pôr do sol no Rio Vaza Barris)

Ateliê 22 (Cozinha refinada em um restaurante-ateliê, na Aruana)

Gula Gula (a melhor empada de Aracaju no caminho para Orla Pôr do Sol)

Mangará (decoração temática e comida nordestina perfeita na Av. Beira Mar)

Cacique Chá (comida regional em uma agradável Casa de Chá dos anos 50)

Restaurante Tototó (no Espaço Zé Peixe, no Centro de Aracaju)

D’adiv (Comida natural em frente ao Aeroporto)

Porto Madero (Cozinha variada na Passarela do Caranguejo)

Pastel da Jane (Pastel e comidinhas regionais no Orla dos Lagos)

Pantanal (Tempero caseiro, peixes e frutos do mar, em Matapuã, Aracaju)

KADÔ (Cozinha Oriental, na Av. Beira Mar, próximo ao Parque dos Cajueiros)

João do Alho ( Comida Regional – na Av. Beira Mar – que beira o rio)

Confraria do Cajueiro (Comida Regional sob a sombra de um Cajueiro – no Inácio Barbosa)

New Hakata (Cozinha Internacional e Sushi Bar – Salão com vista para o Rio Sergipe – na Av. Beira Mar)

Sapatão (Comida Regional e frutos do mar – às margens do Rio Sergipe, na Orlinha do Bairro Industrial)

Café da Gente  (Cozinha Regional – no Museu da Gente Sergipana)

Petit Bistrô (Pratos refinados em um cantinho calmo e reservado na Passarela do Caranguejo)

Doce Acaso (brownies de queijo do reino e cocada em Aracaju)

FORA DE ARACAJU – passeios pelo interior do Estado

Sergipe_Mapa

Delta do Rio São Francisco (Brejo Grande – aprox. 130 km da capital)

Cânion do Rio São Francisco (Canindé de São Francisco – aprox. 200 km da capital)

Parque dos Falcões (Serra de Itabaiana – aprox. 45 km da capital)

Lagoa Azul ( No caminho para a Praia do Abaís, Praia do Saco e Mangue Seco)

Serra do Machado (Ribeirópolis – aprox. 80 km da capital)

Doce Caseiro da BR-235 (Areia Branca – aprox. 35 km da capital)

Banho na Ribeira (Areia Branca)

Almoço no Chiozinho (Povoado Cedro – Laranjeiras – aprox. 20 km de Aracaju)

Pelas ruas de Laranjeiras (post do amigo Léo Barreto)

Sergipe_Distâncias

PASSEIOS COM EMPRESA DE TURISMO: opções e valores da Nozes Tour  ROTEIROS NOZES TOUR 2015

PELA ESTRADA ( PARA NÃO SE PERDER)

Fotoguia da BR-235 (Caminho para a Boa Luz, Areia Branca, Itabaiana, Serra do Machado e Canindé)

Como chegar à Foz do São Francisco (Caminho para Brejo Grande, Japaratuba, Neópolis)

Ponte Gilberto Amado – o atalho da Linha Verde entre Bahia e Sergipe

BAHIA-SERGIPE-ALAGOAS: de carro pelos três Estados.

 

SÃO JOÃO EM ARACAJU – a capital mais arraial do Nordeste

Forró Caju

Programação Forró Caju 2015

Marinete do Forró – Barco do Forró – Arraiá do Povo

LOCOMOÇÃO

Itinerário e Horários dos Ônibus Coletivos da Grande Aracaju.

Calculador de tarifas de táxi.

QUIRINO: a cabine do tempo na Rua Geru – ARACAJU

27 set

No caminho para o centro da cidade, na  quadra desenhada pelo encontro das ruas Geru com Lagarto, uma portinha simplória, aberta há mais de 40 anos, toca músicas antigas em alto volume.

Loja do Quirino na Rua Geru - ARACAJU

Seguindo a trilha sonora – que vai de Altemar Dutra a Blitz – fui magneticamente atraída pela atmosfera dos anos 80 espalhada entre vinis e fitas, tocando histórias guardadas na minha memória afetiva. Descobri, então, meu lugar preferido nas manhãs de sábado: o banquinho da paciência na Loja do Quirino.

Banquinho da paciência na Loja do Seu Quirino - ARACAJU

Passo horas nesse banquinho procurando vinis antigos. Assim como passava horas viajando nos vinis do meu pai, fascinada com as imagens dos encartes.

Com o tempo, os vinis foram embora e o chiadinho das músicas da minha infância ficou esquecido naquele cantinho de saudade onde guardamos os pequenos e saborosos detalhes do começo das nossas vidas.

Minha pessoa vidrada na vitrola do meu pai.

A loja do Quirino trouxe tudo de volta. A R$1,00 – a fita cassete ou vinil – com R$20,00 fui de ‘É proibido fumar’ (1964) até o hit do Menudo, ‘Não se reprima’ (1984).

É Proibido Fumar - Roberto Carlos - 1964

O comércio compra e vende discos e fitas. Os discos velhos, aqueles que a ‘mãe’ não quer mais ou o ‘pai’ quase joga fora? Leva no Quirino que ele compra 😉 Como resultado dessa ‘troca’, várias histórias vão se amontoando no meio dos LPs, em  rabiscos de afeto nas dedicatórias que acompanham os discos ❤

Dedicatórias em Vinil - ARACAJU

‘Para Aline e Raquel, com amor do papai, Tel – 08/12/1984’

E as capas e encartes continuam sendo uma viagem, retratos das gerações embaladas por aquela meia dúzia de faixas em cada lado do disco.

A próxima vítima - 1995

O Quirino é um alagoano de Penedo que começou a trabalhar aos 10 anos, caçando passarinhos.  Conta com orgulho que é bisneto de escravos, citando que sua avó, Marcelina, foi agraciada pela Lei do Frente Livre (1871). Sorriso largo e uma disposição invejável, dessas pessoas cheias de vida.

Seu Quirino e seus discos - ARACAJU

Eu saio de lá sempre uns quarenta anos mais pesada… Feliz da vida ❤ Uma vermelhinha aqui em casa não abre mão dos meus achados na cabine do tempo do Seu Quirino.

Jean Luke e nossa vitrola - ARACAJU

– Endereço: Rua Geru, n° 345, no trecho entre as ruas Lagarto e Capela.

Mapa Seu Quirino - ARACAJU - Google Maps

 A loja funciona de segunda a sábado, em horário comercial. 

Loja do Quirino - Rua Geru, 345 - ARACAJU

– Esse post é parte do nosso projeto “POEIRA, PAREDES e HISTÓRIAS“, que tenta resgatar as histórias dos imóveis de Aracaju – Sergipe. Conheça a Fanpage aqui.

– Mais sobre Aracaju em Aracaju post a post.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas de Aracaju  através das hashtags:

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

 

 

PIRÃO e PEIXE – duas razões para você conhecer o Restaurante Chiozinho em Laranjeiras/SE

12 set

Você não precisa sair de Aracaju para comer um bom pirão de peixe. Fato.  Mas, se além do pirão, você também quiser ter uma tarde diferente e agradável, almoçando entre mangueiras, em uma casa de sítio no interior do Estado, o Restaurante Chiozinho é uma bela dica.

Restaurante Chiozinho - Laranjeiras -SERGIPE

Eu fui parar no Chiozinho porque vi na televisão. A receita – de pescada amarela com molho de camarão e pirão de peixe – não saiu da minha cabeça. Nesses casos, meu coração só me dá uma opção: se vire e ache o endereço 😛

O Chiozinho, conhecido como o Rei do Pirão, fica no Povoado Cedro, em Laranjeiras, a 16km da capital. Para chegar, saindo de Aracaju, você vai seguir pela BR-101 norte, sentido Laranjeiras/Maceió/Recife.

Seguindo pela BR-101 norte, você vai passar por três viadutos, nessa ordem: viaduto da BR-235 (acesso para Areia Branca e Itabaiana); o viaduto de acesso ao município de Nossa Senhora do Socorro e o viaduto de acesso ao município de Laranjeiras. Estes dois últimos você visualiza apenas os trevos de acesso, por isso fique atento às placas 😉

A entrada para o Povoado Cedro é a primeira à direita, logo depois do viaduto de Laranjeiras, onde uma placa indica ‘Mussuca’, imediatamente após um radar de velocidade, no Km-78 da BR-101.

A partir daí, siga direto, subindo a ladeira até o cemitério. Nesse ponto, siga pela via da esquerda, como indicado na foto:

Caminho Chiozinho - Povoado Cedro - Laranjeiras - SERGIPE

Continue seguindo (o povoado, basicamente, só tem uma rua) e quando você perceber que a rua acabou, vire à direita.

CHIOZINHO - Povoado Cedro - SERGIPE

Entrada do sítio onde fica o restaurante – Povoado Cedro – SERGIPE

Logo verá o Chiozinho, um sítio com uma casa varandada à sombra de duas mangueiras.

Restaurante Chiozinho - Laranjeiras - SERGIPE

O lugar é muito simples. E a graça é essa!

RESTAURANTE CHIOZINHO - Laranjeiras - Povoado Cedro - SERGIPE

Nesse dia, a magia bucólica de almoçar no sítio foi quebrada, em parte, pelos tapumes e estrutura de festa montada para logo mais: um show dos ‘Ciganinhos’.

Ainda assim, conseguimos uma mesa com vista para terrenos verdinhos, burrinhos pastando, coqueiros aqui e ali e uma moradora local querendo fazer amizade.

Restaurante Chiozinho - Povoado Cedro - BR101-SERGIPE

Gatinha - Povoado Cedro - Restaurante Chiozinho - SERGIPE

Em algum tempo, chega o que mais interessa: um prato de camarões suculentos ao alho e óleo…

Seguido da nossa ‘pescada’, linda e amarela ❤

Pescada amarela ao molho de camarão e pirão de peixe - Restaurante Chiozinho - Povoado Cedro - SERGIPE

Uma porção para duas pessoas, generosa, coberta com molho de camarões e aquele pirão, que eu vi na televisão e não saiu da minha cabeça, tal qual eu havia imaginado: cheiroso, gostoso e suave, preparado com leite de coco fresco, extraído dos cocos da região.

Restaurante Chiozinho - Cardápio - Povoado Cedro - BR101-SERGIPE

Como disse, você não precisaria rodar tanto para comer um bom pirão, mas se nada do que foi dito até aqui te convenceu, eu ainda tenho duas cartas na manga: o atendimento sorridente do Luizinho e a vista em alguns trechos do povoado, no caminho para o Chiozinho 😉

Vista - Povoado Cedro - Laranjeiras-SERGIPE

O restaurante abre todos os dias, para almoço, mas pagamento só em dinheiro

– Saindo da BR-101, a estrada até o sítio é calçada.

Povoado Cedro - Laranjeiras - BR101 - SERGIPE

– Para retornar para Aracaju, retome a BR-101, sentido Maceió, e siga por 2 km até retorno mais próximo, em Pedra Branca.

BR-101-Retorno para Aracaju em Pedra Branca - SERGIPE

– Mais sobre Laranjeiras no post do nosso amigo Léo Barreto aqui.

– Mais dicas de Aracaju e arredores em  Aracaju post a post.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas de Sergipe e Aracaju  através das hashtags:

#sergipenomiss

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

 

 

 

 

Pelas ruas de Laranjeiras/SE – por Leonardo Barreto

24 ago

E a gente adora quando amigos mandam textos e fotos lindas para o blog, ainda mais quando nos contam histórias de lugares que há muito nos devemos uma visita e… um post. Por sorte, ter queridos amigos jornalistas, atentos e curiosos à cultura girando a sua volta vai preenchendo nossas lacunas. E assim, hoje começamos a semana com as ruas de Laranjeiras, pelas letras e lentes do amigo jornalista Léo Barreto.

______________________________

Morar no menor estado do Brasil é também desfrutar de uma riqueza cultural grandiosa e, quando o assunto é cultura, o município sergipano de Laranjeiras é referência. Distante 24 Km da capital, o lugar respira história, através dos vários prédios da arquitetura colonial,ruas, casarões, igrejas e principalmente seu povo, que faz questão de manter viva a tradição dos grupos folclóricos que surgiram da população de escravos que chegaram na cidade durante o império, quando o município concentrava a nobreza açucareira.

No último sábado, 22/08/2015, foi comemorado o dia do folclore e para celebrar a data foram realizadas palestras, rodas de conversas e apresentações culturais durante toda a semana, mas o ponto alto ficou para o domingo, 23/08, quando aconteceu o tradicional cortejo folclórico. E foi ao som de pandeiros, timbaus e pisadas fortes com tamancos de “pau”, que as ruas de laranjeiras foram tomadas pelo colorido das Taieiras, manifestação que louvam a São Benedito e Nossa Senhora do Rosário, formado basicamente por mulheres e a figura masculina representa o rei, o ministro ou o patrão.

Seguidas dos homens que formam o grupo da Chegança Almirante Tamandaré, de origem portuguesa, retratando uma história dramática, representa a luta entre marinheiros “cristãos” e “Mouros”, povos do norte do continente africano. As ruas ainda receberam a alegria do Cacumbi, também formado por homens, homenageia os negros brasileiros com danças que seguem o ritmo das pisadas fazendo de seus brincantes verdadeiros artesãos da simetria gestual.

Laranjeiras SE

E quem também exalou história pelas ruas foi  um dos ritos mais populares do folclore nordestino, o São Gonçalo do Amarante, fruto da colonização portuguesa no Brasil, conta a lenda que era um frade dominicano que gostava de dançar e tocar viola, tradição que é representada por homens de branco com adornos femininos.

Nas palavras do artista plástico, Joel Dantas, que  mora em Aracaju, mas todos os anos participa das festividades do município, “isso mostra um trabalho grandioso de preservação da memória viva do povo sergipano e a participação dessas crianças mostra que esta tradição não irá morrer aqui, mas atravessará gerações, como aconteceu até que chegasse até nós”.

Mulheres em Laranjeiras - SERGIPE

Quem visitou Laranjeiras esse domingo pode perceber que o estado de Sergipe pode ser pequeno na extensão, mas é enorme, quando se trata de diversidade cultural.

Leo Barreto em Laranjeiras-Sergipe

Só agradecer ao Léo esse post lindo e fotos cheias de encanto. E ano que vem espero o convite para irmos juntos, viu, danado? rsrsrs

– Mais sobre Sergipe em Aracaju post a post.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas de Sergipe e Aracaju  através das hashtags:

#sergipenomiss

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

Tapioca de Petit Gateau do Pastel da Jane – ARACAJU.SE

19 jan

Quem mora em Aracaju, provavelmente, não vai achar esse post nenhuma novidade. Quem planejou sua viagem a Aracaju com carinho, possivelmente, já incluiu o Pastel da Jane no seu roteiro e quem não fez roteiro nenhum, ainda assim, iria ouvir falar ou se deparar com esse que hoje é o pastel mais badalado da nossa pequena. Por puro mérito, o Pastel da Jane tornou-se figurinha carimbada da Orla de Aracaju.

Preciso dizer que não é barato e a conta sempre acaba com você entortando o bico, mas permita-se essa pequena extravagância. O pastel é muito bom, acompanhado por molhinhos aromáticos – pesto e alho – que tornam o “negócio” ainda mais gostoso.

Mas falar do Pastel da Jane e indicar o pastel seria, no mínimo, redundante. Por isso a nossa dica, que poderia passar despercebida numa rápida olhada no cardápio, é a TAPIOCA DE PETIT GATEAU.

Tapioca de Petit Gateau - Pastel da Jane - Aracaju

 Os sabores são doce de leite e chocolate, que recheiam a tapioca quentinha acompanhada do básico sorvete de creme. Simples e faceiramente saborosa, dando uma versão nordestina ao ‘pequeno bolo’. Para acompanhar, um caldo de cana que chega todo charmoso, vestido como um drink elegante.

Depois de exagerar, ou não, nas guloseimas, aproveite para caminhar pelo calçadão, curtindo a brisa da Orla ou aventure-se nas bicicletas do Caju Bike. O Pastel da Jane fica quase em frente ao Mundo da Criança,  próximo aos Lagos da Orla.

cajubike-aracaju

Bicicletas do Caju Bike em frente à entrada do Mundo da Criança, na Orla de Aracaju. O Pastel da Jane está do outro lado da Avenida.

 

 Endereço: Av. Santos Dumont, 957, Orla de Atalaia.

Telefone: (79) 3243-6744

Site:  pasteldajane.com.br

– Planejando sua viagem a Aracaju? Temos um monte de dicas em Aracaju post a post . Vai lá conferir. E qualquer dúvida, pode mandar e-mail para misscheck-in@hotmail.com 😉

 

 

Feira de Sergipe 2015

11 jan

Começou ontem, 10/01, e vai até a 25 de janeiro, a Feira de Sergipe 2015.

Feira de Sergipe 2015

Uma reunião do que há de melhor na produção local, do artesanato à culinária.

Pergunta: Vai perder?

De 10 a 25 de Janeiro, das 17h às 23h – Na praça de Eventos da Orla de Aracaju.

Entrada GRATUITA

Feira de Sergipe 2015

Na Foto| Stand da Le Mustache e produtos das Catadoras de Mangaba.

Site oficial – www.feiradesergipe.com.br

Programação completa aqui.