Restaurante Mangará – decoração temática e comida nordestina da melhor qualidade – ARACAJU.SE

6 mar

Uma casinha de roça – com bananeiras na porta – entre as construções verticais e imponentes do calçadão do Bairro Treze de Julho ❤

Por inúmeras razões, há muito tempo devo um post sobre o Mangará aqui no Miss Check-in, mas, entre todas elas, o fato de ter sido o primeiro restaurante que conheci em Aracaju, há mais de dez anos, só aumenta essa dívida.

De lá pra cá, pouca coisa mudou. A qualidade da comida permaneceu imbatível e eles aproveitaram para ir encorpando  a decoração temática do ambiente, espalhando pelo espaço vários elementos  da ‘vivência’ nordestina.

O  resultado é adorável. A atmosfera da roça e o cheiro do café vindo da cozinha…

E a ‘venda’ de interior, com o baleiro de vidro e os  doces da infância (para os mais ‘experientes’ rsrs)

Venda do Restaurante Mangará - ARACAJU.SERGIPE

O serviço é self service, a quilo, e o buffet arremata a experiência com a típica sustância nordestina, que amolece qualquer ‘cabra da peste’ pela boca.

Buffet Mangará - ARACAJU.SERGIPE

A comida, desde sempre, é sucesso entre os aracajuanos e  aos turistas, deixo um recado carinhoso: pensem sobre incluir no roteiro  uma parada no Mangará! O nosso pequeno ‘Mangai‘ é uma delícia < o lombo ao molho é perfeito #ficadica >

– Aberto de segunda a sábado, das 17h30 às 22h, e aos domingos para almoço(até as 15h) e jantar (até as 22h).

– Mais informações em www.restaurantemangara.com

– Endereço: Av. Beira Mar, n.1024, quase em frente ao Mirante do Calçadão da Treze, Bairro 13 de Julho, com entrada pela Av. Beira Mar e também pela rua do fundo, onde é possível estacionar, Rua Benedito Teófilo Otoni. Na Av. Beira Mar, você só vai conseguir estacionar do outro lado da avenida, no estacionamento do calçadão.

– Continue passeando pela culinária de Sergipe no post Entendendo o Cardápio.

– Mais sobre Aracaju em Aracaju post a post.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas de Aracaju  através das hashtags:

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

Publicidade

Como chegar a Mangue Seco – BAHIA

30 jan

Mangue Seco, o cenário de praias e dunas da trama agreste de Jorge Amado, é a última praia do litoral norte da Bahia. Fica no município baiano de Jandaíra, no estuário do Rio Real, divisa natural entre Sergipe e Bahia.

Mangue Seco - BAHIA

O município de Jandaíra tem acesso pela BR-101, mas está longe de Mangue Seco e aí vai a primeira lição: independente do que o Google e o GPS digam, a melhor maneira de chegar a Mangue Seco –  seja partindo de Aracaju, seja partindo da Salvador –  é pela Linha Verde, a via litorânea que liga Bahia e Sergipe.

 – Na Bahia, a Linha Verde é a BA-099. Em Sergipe é a SE-100. Por esta via,  Mangue Seco está a aproximadamente 65 Km de Aracaju/SE e a aproximadamente 250 km de Salvador.

COMO CHEGAR A MANGUE SECO PARTINDO DE ARACAJU

 – VIA POVOADO SACO – saindo de Aracaju (pela praia), siga pela Rodovia SE-100 (Rodovia Ayrton Senna), sentido Praia do Abaís e Praia do Saco. Para tanto, na saída sul da capital (no final do Mosqueiro), atravessará a ponte Joel Silveira, sobre o Rio Vaza-Barris. Oriente-se pelas placas, sempre tomando a direção da Praia do Saco e Ponte Gilberto Amado (sobre o Rio Piauí).

Ponte Gilberto Amado - Sergipe

Ponte Gilberto Amado – Sergipe

Neste caminho, passará pelos trevos de acesso para Praia da Caueira e, bem mais a frente, pelo trevo para o Abaís. Siga as placas, sempre seguindo sentido  Ponte Gilberto Amado (Terra Caída e Porto do Cavalo). Depois do trevo da Praia do Saco (último trevo antes da ponte), pouco antes da Ponte Gilberto Amado, na cabeceira da pequena ponte sobre o Rio Piauitinga, você verá o primeiro ponto de travessias para Mangue Seco, onde há saída de lanchas e estacionamento para deixar seu veículo.

Embarque para Mangue Seco no Povoado do Saco - SERGIPE

Na Praia do Saco também oferecem a travessia. Estes, entretanto, não são os pontos mais próximos a Mangue Seco.

 – VIA POVOADO PONTAL – O Povoado Pontal está no extremo sul do Estado e é o ponto de Sergipe mais próximo a Mangue Seco.

Povoado Pontal - SERGIPE

Povoado Pontal - Indiaroba - Sergipe

À beira do Rio Real, o Pontal é a margem sergipana:

Povoado Pontal - SERGIPE

Ao passo que Mangue Seco, do outro lado do rio, é a margem baiana, extremo norte do litoral da Bahia:

Mangue Seco - Litoral Norte da Bahia

Para chegar, partindo de Aracaju, siga as mesmas instruções acima para a Praia do Saco. Siga até a Ponte Gilberto Amado e,  alguns quilômetros após a ponte, verá a entrada para o Pontal à esquerda (foto abaixo).

No povoado  há vários estacionamentos ( a partir de R$ 10,00 a diária) onde você pode guardar o carro e atravessar de barco até Mangue Seco.

Centro de Informações Turísticas no Pontal – SERGIPE

Para os turistas, a travessia para Mangue Seco é feita por lanchas. Os barcos coletivos também fazem o percurso, a R$5,00 por pessoa (valor em maio de 2016), mas só saem se fechar a lotação de 12 pessoas.

Barcos Coletivos - Povoado Pontal - SERGIPE

Confira a tabela de tudo o que se gasta para passear em Mangue Seco – Valores de maio de 2016 – Post do Instagram @misscheck  🙂

Preços - Mangue Seco - BAHIA

 

E o tour de buggy pelas dunas, com certeza, é o grande atrativo do passeio 😉

Passeio de Buggy - Mangue Seco - BAHIA

COMO CHEGAR A MANGUE SECO PARTINDO DE SALVADOR

 – VIA POVOADO COSTA AZUL –  Saindo de Salvador, siga pela Linha Verde até o Km-173 e  entre no acesso para o Povoado Costa Azul.

Acesso Costa Azul - Linha Verde

Saindo da rodovia, são aproximadamente  15 km de estrada de chão até o Povoado Costa Azul.

Estrada do Costa Azul - Linha Verde - BAHIA

Assim que avistar o Povoado Costa Azul, vire à esquerda, sentido Povoado Coqueiro, como aparece na foto abaixo:

Logo após converter à esquerda, você vai passar pela Lagoa do Costa Azul e, aproximadamente 20 km depois, você chega ao Povoado CoqueiroCuidado, pois há atoleiros no caminho

Lagoa do Costa Azul - BAHIA

Um olho na pista arisca e outro nas belas paisagens ❤

Paisagem do caminho para o Povoado Coqueiro - Costa Azul- Linha Verde - BAHIA

E nos cajueiros carregados, a depender da época do ano.

Ao chegar ao POVOADO COQUEIRO, uma dura constatação: caso seu carro não tenha tração, você não vai conseguir avançar rumo a Mangue Seco. As casas se espalham pela areia e nós até tentamos, mas preferimos não arriscar atolar o carro.

Povoado Coqueiro - Linha Verde - BAHIA

Exatamente por isso, assim que você para o carro, vários ‘bugueiros’ da cooperativa local te abordam oferecendo o ‘transfer’ para Mangue Seco. E cobram a partir de R$80,00 (ida e volta – valor em dezembro de 2015) ou pacotes com passeios pela praia e pelas dunas a partir de R$150,00 para duas pessoas (valores de dezembro de 2015).

Transporte de buggy - Coqueiro - Mangue Seco - BAHIA - BRASIL

Seu carro fica no povoado. Não tem estacionamento fechado mas, segundo eles, também não tem ladrão.

Em um carro com tração,  é possível chegar a Mangue Seco,  sempre seguindo ao norte. Informe-se com o locais sobre a melhor trilha para chegar.

DICA EXTRA

 DICA I – No vilarejo Costa Azul também há bugueiros que levam a Mangue Seco e a outros passeios na Região. Informe-se na Barraca de Praia Sonho Meu e, com ou sem passeio, aproveite para experimentar sua comida caseira com vista pro mar 😉 .

Restaurante Sonho Meu - Costa Azul - Linha Verde - BAHIA

DICA II – Vindo da Linha Verde, na estrada de terra que leva ao Costa Azul, uma placa à direita indica ‘Cajueirinho’.

Se tiver interesse, siga a seta, entrando mais a frente em uma propriedade privada (em dezembro de 2015, a entrada era livre e não cobravam pelo acesso). Siga em uma linha reta e uma nova placa te levará a um pequeno arraial.

Nesse ponto, em uma curta caminhada você chega ao CAJUEIRINHO, um banho doce de água morna entre as dunas e o mangue.

– Para facilitar ainda mais sua viagem, confira todas nossas dicas de estradas entre Bahia, Sergipe e Alagoas aqui 

– Dica de Pousada em Mangue no nosso post sobre o Resort Recanto da Natureza.

Dica para esticar seu Carnaval pelo Estado em Carnaval em Sergipe: 5 dicas no Litoral Sul.

– No caminho para Mangue Seco, partindo de Aracaju, aproveite para conhecer a Lagoa Azul (veja o post aqui).

– Para continuar passeando pela Linha Verde, leia também:

Praia do Baixio – Km 121

Diogo – Km 68

Para conhecer outras pousadas bacanas na Linha Verde, leia também:

Pousada Angá, no Baixio;

Pousada Too Cool, no Diogo.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas da Bahia e da Linha Verde  na hashtag #bahianomiss

 

Resort Recanto da Natureza – um refúgio entre o mangue e o mar em MANGUE SECO.BAHIA

16 jan

Há mais ou menos um ano, o amigo e antigo chefe Thiago Melo enviou essa foto (aí embaixo) com uma observação: você precisa conhecer!

Foto Resort Recanto da Natureza por @thiagobase (instragram)

Captei rapidamente vossa mensagem, Thiago! E esperei ansiosa por uma oportunidade para conhecer de perto essa dica: Resort Recanto da Natureza, em Mangue Seco, Bahia.

Em dezembro de 2015, consegui uma reserva com desconto pelo Booking e lá fomos nós, de mala, cuia e caixinha pet de transporte para curtir a nossa estada no Recanto da Natureza.

O HOTEL

Exatamente o que esperávamos. Um lugar charmoso, envolto na tranquilidade dos sons da natureza: o vento soprando entre os coqueiros e o verde de sons misteriosos do manguezal.

Mangue - Resort Recanto da Natureza - BAHIA - MANGUE SECO

Um canto longe de tudo. Colado no Rio Real, divisa natural entre os Estados da Bahia e Sergipe.

Rio Real - Divisa Bahia-Sergipe

No final do dia, um pôr do sol dourado emoldurado na área verde em frente ao nosso quarto.

E, à noite, um mergulho relaxante na piscina 🙂  Em dezembro, a água estava tão morna que ainda me pergunto se a piscina não era aquecida.

Resort Recanto da Natureza - MANGUE SECO.BAHIA

Os quartos são simples e confortáveis, no estilo objetivo de hospedagem de praia. Uma rede, um bom (e indispensável) ar-condicionado, TV a cabo, wifi e uma cama macia para esticar o corpo queimado de sol no final do dia. Na medida 😉

Resort Recanto da Natureza - BAHIA - MANGUE SECO

Quarto - Resort Recanto da Natureza - Mangue Seco - BAHIA

No banheiro, uma pia espaçosa (sim! isso é relevante para as meninas) e um varalzinho armado em frente a janela, que secava, providencialmente, as roupas de banho. Algumas tomadas no modelo antigo, de dois pinos redondos. Outras no modelo atual, de três pinos110v (sempre levo adaptadores para evitar surpresas desfavoráveis).

Banheiro do Resort Recanto da Natureza - Mangue Seco - BAHIA

Aconchego por todos os cantos!

E para arrematar a experiência, uma cozinha internacional a todo vapor no restaurante do ‘resort’.

Bruschetta al Pomodoro - Resort Recanto da Natureza - Mangue Seco - BAHIA

Invista sem medo nos pratos italianos preparados pelo chef Enrico (um dos donos da pousada, italiano legítimo). Nós nos debruçamos com gosto na pizza diavola < que, a princípio, achamos grande demais para nós dois… até ela acabar e nossa vontade de continuar comendo não>

Pizza Diavola - Resort Recanto da Natureza - Mangue Seco - BAHIA

O café da manhã, incluso na nossa diária, simples, mas preparado com zelo, agraciado pelo charme rústico amadeirado da varanda voltada para o pequeno lago.

Dito tudo isto, agora te conto que nosso lugar preferido era mesmo o píer da pousada no Rio Real e seu caminho meio ponte por dentro do mangue.

HOSPEDAGEM PET FRIENDLY

Quem ama seus pets sabe… Nossos olhinhos brilham quando constatam nas regras do hotel que eles recebem nossos bichinhos.

Hospedagem Pet Friendly - Resort Recanto da Natureza - Mangue Seco.BAHIA

E quando temos essa chance, nunca deixamos escapar. Como a viagem era curta, na duração e na distância, lá estavam eles, Jean Luke e Jean Quique, já acomodados em sua caixa de transporte, prontos para a hashtag da vez: #partiumangueseco 😉 (o Quique não quis sair na foto. Temperamental)

Mangue Seco - Bahia

O Recanto da Natureza recebe pets de pequeno porte e, para isso, apenas solicitam que o hóspede informe previamente que levará seu bichinho. Os preciosos daqui aprovaram a hospedagem com o selo pet “já pode voltar?”

COMO CHEGAR AO RESORT RECANTO DA NATUREZA

Partindo de Sergipe – VIA POVOADO PONTAL – saindo de Aracaju,  o caminho mais curto e a maneira mais prática de chegar é seguir até o Povoado Pontal, no extremo sul do Estado, via Rodovia SE-100. São aproximadamente 60 km, contando a partir da Ponte Joel Silveira, na saída sul de Aracaju.

Povoado Pontal – SERGIPE – BRASIL

No povoado, à beira do Rio Real, há vários estacionamentos ( a partir de R$ 10,00 a diária) onde você pode guardar o carro e atravessar de barco até a pousada que está, numa linha reta, do outro lado do rio.

Resort Recanto da Natureza visto do Povoado Pontal - MANGUE SECO.BAHIA

Importante – 0s preços são loucos (pra não dizer espertos) e você não consegue entender a lógica dos valores.

– No posto de informações turísticas, no mesmo período, informaram que a travessia para Mangue Seco custava R$5,00 no barco coletivo, com 12 pessoas. Não fechando o barco, até quatro pessoas cobrariam R$100,00 pela travessia (ida e volta? disseram que sim). <note que se você comprar todas as vagas do barco coletivo, fecha R$ 60,00. Mas nem se anime, pois eles não trabalham com essa opção. Ou 12 pessoas ou R$100,00. Pelo menos foi a informação que nos deram>

Partindo de Salvador – VIA POVOADO COSTA AZUL –  pela Linha Verde, a melhor opção é seguir até o o Km-173 da Linha Verde e entrar no acesso para o Povoado Costa Azul. Saindo da rodovia, são aproximadamente  15 km de estrada de chão até o Povoado Costa Azul.

Assim que avistar o povoado, vire à esquerda, sentido Povoado Coqueiro, como aparece na foto abaixo:

Aproximadamente 20 km depois você chega ao Povoado Coqueiro. Cuidado, pois há atoleiros no caminho.

Neste ponto, uma dura ressalva: caso seu carro não tenha tração, não adianta, você não vai conseguir chegar à Pousada, que está a 1,8 km deste povoado. As casas se espalham pela areia e nós até tentamos, mas preferimos não arriscar atolar o carro.

Povoado Coqueiro - Linha Verde-BAHIA

Exatamente por isso, assim que você para o carro, vários ‘bugueiros’ da cooperativa local te abordam oferecendo o ‘transfer’ para a pousada pela ‘módica’ quantia de R$ 60,00 (para levar e buscar, em dezembro de 2015). Sem nenhuma outra opção, sem táxi, sem uber, pagamos.

Transporte de buggy - Coqueiro - Mangue Seco - BAHIA - BRASIL

Deixamos o carro no próprio povoado (não tem estacionamento mas, segundo eles, também não tem ladrão). E, depois de levantar poeira, virar pra lá e pra cá, e ‘sacolejar’ a bagagem e os gatinhos no nosso transporte,  chegamos ao nosso destino.

IMPORTANTÍSSIMO: você, que pesquisou antes e, por acaso, achou esse post, não precisa passar por isso. Já vai sabendo que o Resort oferece transporte, tanto de lancha, para pegar hóspedes no Povoado Pontal, como de buggy, no Povoado Coqueiro. O serviço não está incluso na diária, mas eles cobram, basicamente, a metade do preço cobrado pelos locais. Agende no ato da reserva 😉 Se tiver carro com tração, você chega tranquilo à pousada, bem como pode seguir com seu carro até a Praia de Mangue Seco 😉

 PARA CURTIR MANGUE SECO

– A pousada, como foi dito, fica à beira do Rio Real. Não está, entretanto, à beira mar, tampouco perto da vila de Mangue Seco.

– A praia mais próxima, ainda Praia do Coqueiro, até pode ser acessada a pé, mas rende uma boa caminhada, subindo dunas e entre caminhos pelo mato.

Caminho para a Praia a partir do Resort Recanto da Natureza – Mangue Seco – BAHIA

– A praia de Mangue Seco está a pouco mais de 1 km. Se tiver ânimo e estoque de água, encare a caminhada. Caso contrário, o ideal é recorrer ao transporte oferecido pela pousada, também cobrado a parte. O pessoal dos buggys, no Povoado Coqueiro, também fecha o pacote com o transfer + passeio pela região. Para nós, ofereceram o pacote por R$ 170,00 (em dezembro de 2015).

Praia de Mangue Seco – BAHIA

– Nesta localização, o Resort Recanto da Natureza atende perfeitamente aos anseios daqueles que procuram um lugar tranquilo para descansar e estar próximo a natureza. Se seu interesse, entretanto, é estar em Mangue Seco, com facilidade de acesso a sua vila e as suas prais, considere estas ressalvas  aí em cima.

– Por fim, vale esclarecer, pois muita gente confunde: Mangue Seco está na Bahia, no município de Jandaíra. Como foi dito, não tem errada, o Rio Real é a divisa natural entre os dois Estados. Do outro lado do rio, o Povoado Pontal pertence a Sergipe, município de Indiaroba.

Rio Real - Píer do Resort Recanto da Natureza - Mangue Seco - BAHIA

– E, para não confundir II, informamos que NÃO somos a página do hotel. Não fazemos reservas nem temos informação sobre disponibilidade. Para essas questões, você pode consultar o site do Resort Recanto da Natureza clicando aqui.

– Para facilitar ainda mais sua viagem, confira todas nossas dicas de estradas entre Bahia, Sergipe e Alagoas aqui 

Para continuar passeando pela Linha Verde, leia também:

Praia do Baixio – Km 121

Diogo – Km 68

Para conhecer outras pousadas bacanas na Linha Verde, leia também:

Pousada Angá, no Baixio;

Pousada Too Cool, no Diogo.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas da Bahia e da Linha Verde  na hashtag #bahianomiss

 

 

 

LAGOA AZUL – ABAÍS – Estância.Sergipe

9 jan

No litoral sul do Estado, três praias compõem o circuito de veraneio de sergipanos e turistas: Caueira, em Itaporanga d’Ajuda, e Abaís e Saco, em Estância. Fugindo do esquema ‘sol e mar’, na região do Abaís a LAGOA AZUL é uma ótima opção para quem busca tranquilidade e um banho revigorante de água doce.


A Lagoa fica na rodovia litorânea SE-100, no caminho entre a Praia do  Abaís  e Aracaju, a aproximadamente 25km da Ponte Joel Silveira, na saída da capital.

Lagoa Azul - Praia do Abaís - Estancia.SE
À margem da pista, aproximadamente 5 km após o Posto da Polícia Estadual (CPRV), dois restaurantes – Lagoa Azul e Lagoa Mar –  oferecem estrutura e acesso free à lagoa. Mas só abrem aos finais de semana e feriados.

Restaurante Lagoa Azul - Abaís - Estância-SERGIPE

Restaurante Lagoa Azul – ABAÍS – Sergipe

Nós gostamos do Lagoa Mar. Além de uma boa estrutura, é menos badalado que o Lagoa Azul, que costuma ficar lotado aos finais de semana.

Restaurante Lagoa Mar – ABAÍS – Sergipe

A opção nos garante um banho mais tranquilo em um ambiente menos disputado. A comida é razoável.

Galinha de Capoeira com pirão – R$ 60,00 (valor em janeiro de 2016)

Mas o conjunto vale a escolha 😉 < ouvi comentários que o Catado de Aratu do Lagoa Mar  é muito bom, mas não cheguei a experimentar. É servido como tira-gosto e em janeiro de 2016 estava custando R$30,00 >

Caldinho de Camarão – R$ 8,00 (valor em janeiro de 2016)

Na minha opinião, o ponto alto mesmo é a ‘prainha’ de água cristalina à sombra de um eucalipto.

Restaurante Lagoa Mar - Lagoa Azul-Abaís-Sergipe -fotodomisscheck-in

O banho entre peixinhos é uma delícia, com direito a uma beliscada de vez em quando. As crianças adoram! (Os adultos também)

Abaís - LAGOA AZUL - Estância-Sergipe

E os patos, que moram na casa ao lado, vira e mexe aparecem para completar a paisagem.

Lagoa Azul.Abaís-Estância.SE

Um pouco mais adiante, próximo ao trevo para a Praia do Saco, tem o banho com tambaquis, conhecido como Lagoa dos Tambaquis. Mas fica em uma propriedade particular e o acesso é pago (3,50 por pessoa). Também é um ótimo passeio para quem está com crianças.

 PARA CHEGAR À LAGOA AZUL, partindo de Aracaju, siga em direção ao litoral sul do Estado, atravessando a Ponte Joel Silveira para acessar a Rod.SE-100 (Rodovia Ayrton Senna). Você vai passar pela entrada da Praia da Caueira e continuar seguindo, sentido Praia do Abaís e Praia do Saco. Ao avistar o trevo onde está o Posto da Polícia Estadual (CPRV), vire à esquerda (sentido Abaís), entrando no trevo e passando em frente ao posto policial. Em pouco tempo a lagoa surge à sua direita. O primeiro restaurante, Lagoa Azul, surgirá uns 5 km após o trevo, e o Lagoa Mar está logo depois. Para a Lagoa dos Tambaquis, siga em frente e fique atento à placa sinalizando a entrada à direita, um pouco antes do trevo para a Praia do Saco 😉

  PARA NÃO CONFUNDIR, vale dizer que a Lagoa Azul é a maior lagoa natural de Sergipe e, por isso, recebeu o nome de  Lagoa Grande. Mas hoje quase todo mundo conhece o local como Lagoa Azul. Na outra ‘ponta’ do Estado, outra lagoa muito procurada é a Lagoa Redonda, mas essa fica em Pirambu, litoral norte de Sergipe.

Assim, Lagoa Azul (na foto) = Lagoa Grande ≠ Lagoa Redonda

 Restaurante Lagoa Mar – Aberto aos finais de semana e feriados, a partir das 09:00. Contato: (79)99990-9795. Aceitam cartões.

– Mais sobre Aracaju em Aracaju post a post.

– Dicas de passeios com crianças em Aracaju com crianças.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas de Sergipe e Aracaju  através das hashtags:

#sergipenomiss

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

 

 

 

 

Natal e Reveillon em Aracaju – SERGIPE – Programação de Dezembro de 2015

20 dez

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO 2016 AQUI

DEZEMBRO de 2015 – Para quem está desembarcando em Aracaju nos próximos dias, segue uma listinha de algumas opções para iluminar seu Natal e animar a virada do ano 😉

NATAL ILUMINADO

Uma boa dica, sobretudo para quem está com crianças, é visitar o Parque da Sementeira (oficialmente Parque Augusto Franco).

O parque é muito frequentado pelos aracajuanos, que costumam correr, andar de bicicleta ou só caminhar tranquilamente pelas vias arborizadas.

Durantes os festejos de fim de ano, a iluminação de Natal deixa o parque ainda mais bonito.

Além disso, a Prefeitura de Aracaju preparou uma programação especial para o período.

Natal no Parque

Outra dica, que tem tudo para ser uma experiência linda, é o NATAL NO CENTRO. Dia 22 de dezembro (2015), a partir das 18h, um coral irá encher as janelas do antigo (e lindo) prédio da Alfandêga, na Praça General Valadão, no centro de Aracaju. Apresentação gratuita.

Natal no Centro 2016 - ARACAJU

As ruas e praças do centro da cidade também estão decorados para o Natal e o horário do comércio foi estendido – de 21 a 23 de dezembro, aberto das 8h às 22h.

RÉVEILLON ANIMADO

A virada do ano em Aracaju fica concentrada na Praia da Atalaia (região da Passarela do Caranguejo), onde acontece a queima de fogos. Para quem pretende ficar por ali mesmo, confira a programação:

Reveillon Aracaju – Atalaia

19h – Rivando Góis (tributo a Raul)

20h – Burburinho

21h – Banda Água Viva

22h – Jorginho do Império

23h30 – Luan Estilizado

1h – Armandinho (Dodô e Osmar)

2h30 – Maysa Reis

Para ter mais conforto, os bares da Passarela do Caranguejo costumam vender mesas para a festa e oferecem alguma cortesia, como tábua de frios e champanhe.

Passarela do Caranguejo

Além da Orla de Atalaia, a Orlinha Pôr do Sol, no Mosqueiro, também terá programação para a virada. Confira as atrações aqui.

As festas top ficam por conta dos hotéis e da Barraca Parati. Dentre estas, o Reveillon do Prodigy Beach Resort, na Barra dos Coqueiros (aquela ilha, do outro lado da ponte do Bairro Industrial, no Rio Sergipe), é o mais em conta – R$ 375,00 por pessoa.

Reveillon Prodigy

O hotel tem ótima estrutura, uma piscina maravilhosa e vasta área verde. Já falamos dele aqui e, segundo comentários, os serviços têm melhorado gradualmente.

Prodigy Beach Resort - Aracaju - Sergipe

Prodigy Sergipe – Imagem divulgação da fanpage do hotel

– Mais informações sobre o reveillon do Prodigy no (79)3262-9100

– Fanpage do hotel – www.facebook.com/prodigyaracaju ]

O Reveillon da Barraca Parati, na Praia do Refúgio, Rodovia José Sarney, é um dos mais badalados da cidade nos últimos anos  (desde a dramática  ‘queda romana’ do Hotel Parque dos Coqueiros).

ViradaParati

A barraca tem uma estrutura muito bacana (é uma das melhores da cidade) e o reveillon, ano a ano, tem ganhado seguidores fiéis. R$ 400,00 por pessoa – All Inclusive – Mesa para 4 ou opção para 2 pessoas – Com ponto de vendas no Shopping Riomar.

 

Fanpage – www.facebook.com/praiaparati

Instagram – @praiaparati

Fechando a lista, o elegante Reveillon do Aruanã Eco Praia Hotel. O hotel é um encanto, na Praia de Aruana, ao lado da AABB, (em frente à Barraca Paraíso do Baixinho) na Rodovia José Sarney. Também já falamos dele no blog (confira o post aqui).

Das festas que indicamos, é a mais cara. Valor individual – R$ 500,00 – All Inclusive –  para mesa compartilhada.

Reveillon Aruanã

O alto valor se justifica pelo requinte do buffet, nada menos que a cozinha do Chef Marcelo Britto, do conceituado Sollo Restaurante (o restaurante fica na entrada do hotel).

Reveillon Aruanã 2016 - Buffet Sollo Restaurante - ARACAJU

Site – www.aruanahotel.com.br

Fanpage –  www.facebook.com/AruanaEcoPraiaHotel

Instagram – @aruanaecopraiahotel

Instagram – @sollorestaurante

OPÇÕES MAIS EM CONTA

Reveillon da Barraca Com Amor Beach – na Rodovia José Sarney, depois do Parati – Valores individuais a partir de R$325,00 .

reveillon-comamor-aracaju-2016

Reveillon Sun Paradise do Restaurante Bar One Lounge – na Av. Mario Jorge, no Bairro Coroa do Meio – Festa à beira da piscina com música eletrônica – R$30,00 pulseira para acesso à boate. Mais informações no Agendaju.

Confira notícias e informações sobre Natal, Réveillon e sobre Aracaju nos perfis oficiais do Instagram:

@governosergipe

@aracajuprefeitura

@semict

– Mais sobre Aracaju em Aracaju post a post.

– Dicas de passeios com crianças em Aracaju com crianças.

NO INSTAGRAM – @misscheck    você vai encontrar fácil nossas dicas de Aracaju  através das hashtags:

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

 

 

GUIA DE ARACAJU – SERGIPE

9 dez

Todos os posts do blog para você montar seu roteiro em Aracaju do seu jeito, no seu tempo 😉

NO INSTAGRAM @misscheck

Você encontra fácil nossas dicas de Aracaju no Instagram através das hashtags:

#aracajunomiss

#dicadomiss_aracaju

ONDE FICAR – Opções de Hospedagem

Ateliê 22 – Cama&Café (na praia de Aruana)

Suítes Atalaia – Cama&Café (na praia de Atalaia – Bairro Coroa do Meio)

Aruanã Eco Praia Hotel (na praia de Aruana)

Hotel Fazenda Boa Luz (em Laranjeiras – 15 km de Aracaju)

Prodigy Beach Resort (antigo DIORO e STARFISH  – na Ilha de Santa Luzia, Barra dos Coqueiros)

 

O QUE FAZER/ O QUE CONHECER

Programas com crianças

Caju Bike – Passeio de bicicleta

Colina do Santo Antonio

Praça dos Mercados

– Teleférico do Parque da Cidade

– Orlinha do Bairro Industrial.

Guloseimas do Mercado

Cordel no Mercado

Museu da Gente Sergipana

Um passeio pelo Centro

Oficina de Ladrilhos

Reciclaria – Oficina de Móveis

Boa Luz Zoo Parque 

Pré-Caju

– Carnaval – o que abre e o que fecha

ONDE COMER

– Entendendo o cardápio

Restaurante Caçarola ( Comida Regional – no Mercado)

Bistrô Twin ( Cozinha refinada com vista para o pôr do sol no Rio Vaza Barris)

Ateliê 22 (Cozinha refinada em um restaurante-ateliê, na Aruana)

Gula Gula (a melhor empada de Aracaju no caminho para Orla Pôr do Sol)

Mangará (decoração temática e comida nordestina perfeita na Av. Beira Mar)

Cacique Chá (comida regional em uma agradável Casa de Chá dos anos 50)

Restaurante Tototó (no Espaço Zé Peixe, no Centro de Aracaju)

D’adiv (Comida natural em frente ao Aeroporto)

Porto Madero (Cozinha variada na Passarela do Caranguejo)

Pastel da Jane (Pastel e comidinhas regionais no Orla dos Lagos)

Pantanal (Tempero caseiro, peixes e frutos do mar, em Matapuã, Aracaju)

KADÔ (Cozinha Oriental, na Av. Beira Mar, próximo ao Parque dos Cajueiros)

João do Alho ( Comida Regional – na Av. Beira Mar – que beira o rio)

Confraria do Cajueiro (Comida Regional sob a sombra de um Cajueiro – no Inácio Barbosa)

New Hakata (Cozinha Internacional e Sushi Bar – Salão com vista para o Rio Sergipe – na Av. Beira Mar)

Sapatão (Comida Regional e frutos do mar – às margens do Rio Sergipe, na Orlinha do Bairro Industrial)

Café da Gente  (Cozinha Regional – no Museu da Gente Sergipana)

Petit Bistrô (Pratos refinados em um cantinho calmo e reservado na Passarela do Caranguejo)

Doce Acaso (brownies de queijo do reino e cocada em Aracaju)

FORA DE ARACAJU – passeios pelo interior do Estado

Sergipe_Mapa

Delta do Rio São Francisco (Brejo Grande – aprox. 130 km da capital)

Cânion do Rio São Francisco (Canindé de São Francisco – aprox. 200 km da capital)

Parque dos Falcões (Serra de Itabaiana – aprox. 45 km da capital)

Lagoa Azul ( No caminho para a Praia do Abaís, Praia do Saco e Mangue Seco)

Serra do Machado (Ribeirópolis – aprox. 80 km da capital)

Doce Caseiro da BR-235 (Areia Branca – aprox. 35 km da capital)

Banho na Ribeira (Areia Branca)

Almoço no Chiozinho (Povoado Cedro – Laranjeiras – aprox. 20 km de Aracaju)

Pelas ruas de Laranjeiras (post do amigo Léo Barreto)

Sergipe_Distâncias

PASSEIOS COM EMPRESA DE TURISMO: opções e valores da Nozes Tour  ROTEIROS NOZES TOUR 2015

PELA ESTRADA ( PARA NÃO SE PERDER)

Fotoguia da BR-235 (Caminho para a Boa Luz, Areia Branca, Itabaiana, Serra do Machado e Canindé)

Como chegar à Foz do São Francisco (Caminho para Brejo Grande, Japaratuba, Neópolis)

Ponte Gilberto Amado – o atalho da Linha Verde entre Bahia e Sergipe

BAHIA-SERGIPE-ALAGOAS: de carro pelos três Estados.

 

SÃO JOÃO EM ARACAJU – a capital mais arraial do Nordeste

Forró Caju

Programação Forró Caju 2015

Marinete do Forró – Barco do Forró – Arraiá do Povo

LOCOMOÇÃO

Itinerário e Horários dos Ônibus Coletivos da Grande Aracaju.

Calculador de tarifas de táxi.

Museu da Memória (Museo de La Memoria) – CÓRDOBA.ARGENTINA

29 nov

Na Praça San Martin, a estreita passagem entre a Catedral e o Cabildo – Pasaje Santa Catalina – é o discreto endereço do que considero o museu mais eloquente de Córdoba, Museo de La Memoria.

A Pasaje Santa Catalina liga a movimentada Plaza San Martin a Plazoleta del Fundador, nos fundos da catedral local que homenageia Jeronimo Luis de Cabrera, fundador de Córdoba no ano de 1573 >.

Entre uma praça e outra, no n.64 da ruazinha, uma casa de fachada simples guarda um dos capítulos mais sombrios da história argentina.

O Museo de la Memoria, na década de 70, foi o Departamento de Informações  da Polícia de Córdoba (D2) e, no auge da ditadura, funcionou como centro clandestino de detenção, tortura e extermínio na Província.

Policia - D2 - Museo de la Memoria - Córdoba - ARGENTINA

Como divisão especial da Polícia Provincial, o D2 foi criado para perseguir e capturar os “subversivos” e, segundo documentos levantados pela Comisión y Archivo Provincial da Memória, entre 1971 e 1982, 20.000 pessoas passaram pelo Departamento.

As paredes permanecem intactas e revelam, estáticas, os ‘porões’ sujos de um regime cruel e opressor.

Em silêncio, observamos cada detalhe, cada porta cerrada e os depoimentos (pavorosos) espalhados pelos corredores deteriorados.

As antigas salas de interrogatório e tortura hoje homenageiam os ‘desaparecidos’.

Fotos desaparecidos - Museo de la Memoria - Cordoba

Fotos de cada um daqueles que nunca mais tiveram a chance de retornar para seus lares, para suas histórias. E os objetos que deixaram para trás, que integram a exposição permanente do museu, ajudam a contar as vidas que ficaram pelo caminho.

Logo na entrada, a curiosa “biblioteca dos livros proibidos” recupera livros e textos de autores  censurados em diferentes períodos políticos.

Em frente à biblioteca, permanece o que restou do muro erguido no final do regime para dificultar o reconhecimento do local pelos sobreviventes.

Muro - Museo de La Memoria - Cordoba - ARGENTINA

Um lugar mórbido e inquietante, mas extremamente valioso como registro histórico. Uma viagem aos momentos de profunda agonia dos ‘presos políticos’. O museu é uma retomada agoniante e necessária dos excessos daquele período.

ENDEREÇO: Pasaje Santa Catalina, n.64, (rua entre a Catedral e o Cabildo na Plaza San Martin), Centro de Córdoba.

VISITAS: GRATUITAS/ Aberto de terça a sexta, das 10h às 18h.

SITE: www.apm.gov.br

TELEFONE: +54 (0351) 4342449

OUTRAS DICAS 

– Para deixar sua viagem redondinha, confira:

Links úteis

Dicas para arrumar a mala

– Mais sobre Córdoba? Leia também

Jesus Maria: conhecendo os arredores de Córdoba.

Viajar de ônibus pela Argentina.

La Costanera – o alfajor artesanal de Córdoba.

– Mais sobre Argentina? Leia também

O Básico de Mendoza – Dicas úteis.

Tour Alta Montanha – o passeio pela Cordilheira.

– Confira nossas dicas curtinhas e rapidinhas no  Instagram @misscheck

Todas as dicas dessa viagem estão na hashtag #argentinanomiss

As dicas de Córdoba você encontra na hashtag #cordobanomiss

E as dicas de Mendoza na hashtag #mendozanomiss

 

La Costanera – a tradicional casa de alfajores artesanais de Córdoba – ARGENTINA

2 nov

Uma das primeiras coisas que você descobre ao enveredar pelo interior da Argentina é que há mais magia sobre alfajores do que supõe nossa vã filosofia. E eu confesso que nem estava muito atenta a esse fato até, na volta do supermercado, ser magneticamente atraída pela beleza  dessa fachada:

La Costanera - Alfajores - Córboda - ARGENTINA

La Costanera,  uma  ‘fábrica’ de alfajores cordobeses com quase um século de tradição. Fundada em 01 de maio de 1927 pelo imigrante italiano Pedro Cecchi, conserva – no n. 33 da Av. Chacabuco – a decoração clássica e parte da mobília original do início do século XX.

Com tanta história, para mim nem precisava ter doce, mas as vitrines, com alfajores cuidadosamente embalados em papel de seda, são realmente um convite.

Alfajores La Costanera - Córdoba

Quem tem em mente os alfajores da Havanna, vai estranhar as formas. E a magia, que citei no início, está exatamente aí. As receitas tradicionais de alfajores foram trazidas por imigrantes que se espalharam pelo interior da Argentina. Como resultado, cada região acabou desenvolvendo suas receitas e o doce ganha um traço típico em cada província.

Em Córdoba, Pedro Cecchi colocou em prática  suas receitas de confeiteiro e, por quatro gerações, seus herdeiros mantêm a produção artesanal. Os alfajores continuam sendo feitos um a um, recheados manualmente e, por isso, são vendidos no peso (já que um nunca é exatamente igual ao outro).

Conta - La Costanera - Córdoba

Os recheios variam do tradicional doce de leite argentino a doces de frutas da região, como maçã, pêssego e marmelo. Mas a diferença mesmo está na massa (ou capas). São tipo biscoitos, de sabores e texturas  variadas, cobertos com açúcar cristalizado.

Alfajor artesanal La Costanera - CORDOBA.ARGENTINA

Na minha doce opinião, o requinte e a história valem o preço salgado. Além disso, no dia seguinte, surpreendidos por uma viagem de 11 horas sem nenhuma parada para refeição, devoramos nossa caixa de alfajores como camelos que encontram um oásis. Por conta disso, acabamos criando uma relação afetiva com nossa caixinha. < quem já passou onze horas sem comida, talvez nos entenda rsrs > Contamos os detalhes dessa viagem aqui.

ENDEREÇO: Av.Chacabuco, n. 33, próximo a esquina com a Rua San Jeronimo – Córdoba.

HORÁRIO: Segunda a sexta – 9h às 19h/ Sábado, domingo e feriados – 8h30 às 13h.

CURIOSIDADE: atribui-se a atual concepção do alfajor ao químico francês Augusto Chammas, que fundou em Córdoba, no ano de 1869, a primeira fábrica da guloseima na Argentina. Hoje, a marca conta com várias lojas em Córdoba e em outras cidades (inclusive Buenos Aires). Vale a pena conhecer o pioneiro alfajor argentino. Saiba mais no site www.alfajoreschammas.com

– A La Costanera está a algumas quadras do apartamento onde ficamos. Tem post contando tudo sobre nossa hospedagem aqui.

– De Córdoba, fomos de ônibus para Mendoza. Saiba mais nos posts:

O Básico de Mendoza – Dicas úteis.

Tour Alta Montanha – o passeio pela Cordilheira.

– Confira nossas dicas curtinhas e rapidinhas no  Instagram @misscheck

Todas as dicas dessa viagem estão na hashtag #argentinanomiss

As dicas de Córdoba você encontra na hashtag #cordobanomiss

E as dicas de Mendoza na hashtag #mendozanomiss

Circuito alternativo da gastronomia universitária: 8 dicas no Conjunto Augusto Franco – ARACAJU.

1 nov

O Conjunto Augusto Franco foi fundado em 1982. Na época, já era reconhecido como o maior conjunto habitacional do Estado, mas com pouca infraestrutura.

Convite Inauguração do Augusto Franco - 1982

Arquivo do Jornal de Sergipe

O  Bairro Farolândia era intercalado por alguns sítios  e vastas áreas verdes, inabitadas, mas já ostentava seu maior símbolo, o antigo Farol, de 1861. < atualmente, bem na rótula de acesso para a universidade, via Av. Beira Mar >

Farol do Bairro Farolândia - ARACAJU

Com a presença do maior Campus da Universidade Tiradentes (Unit),  em meados da década de 90, o Conjunto passou a atrair estudantes de outros Estados que pretendiam morar próximo à faculdade. Foi nesse período que as ‘caravanas’ da Bahia passaram a dominar a estatística discente da Unit, fazendo a alegria das imobiliárias com unidades para aluguel por ali.

Universidade Tiradentes - ARACAJU - foto de MissCheck-in.com

Reitoria da Universidade Tiradentes – ARACAJU

A Universidade trouxe desenvolvimento para o Bairro que passou a contar com diversos serviços para atender esta população universitária. E foi assim que o ‘Augusto Franco’ ganhou o status de conjunto universitário.  No contexto, muitas opções de restaurantes foram surgindo para atender essa demanda estudantil, de orçamento regrado, mas não menos exigente.

Av. Canal 5 (Av. Dr. José Tomaz D’Ávila Nabuco), Conj. Augusto Franco – ARACAJU

Para apresentar esse circuito alternativo da gastronomia universitária, neste post mostramos oito modalidades representativas das opções do Conjunto,  ligadas a sua história. Algumas para gastar pouco, outras nem tanto. Mas todas garantem um saboroso passeio pelo cotidiano do Bairro. Confira a lista, seguindo a ordem de localização pelo mapa 😉

Mapa-Conjunto Augusto Franco -ARACAJU (editado por misscheck-in.com)

1.COMIDA A QUILO: RINCÃO MINEIRO

Pela qualidade da comida, o Rincão merecia um post só pra ele. Falaria parágrafos e parágrafos sobre o sabor da sua rabada na cerveja preta; do pão de alho macio, saindo quentinho da churrasqueira; da galinhada com pequi com manual de instrução para o caroço  ou do “queimadinho” com gosto de casa de vó, que fica ali, de cortesia, ao lado do caixa.

Restaurante Rincão - ARACAJU

É bem verdade que no perrengue que é orçamento de estudante, não é todo dia que rola almoço a 42,90/kg. Em compensação, as famílias do Bairro (incluindo a minha) já descobriram  as delícias do buffet mineiro e, aos finais de semana, lotam as mesinhas de madeira de seu salão.

RincãoMineiro-ARACAJU

O Rincão fica no Posto Petrox da rótula do Farol, no Bairro Farolândia, a poucos metros da Universidade Tiradentes e próximo a hotéis voltados para turismo de negócios (Del Canto, Go Inn e Atalaia Apart). Por essa localização, é uma boa dica para  turistas de negócios/eventos e concursos. E, não se engane, a localização privilegiada realmente ajuda, mas o mérito de suas mesas lotadas é todo da sua cozinha mineira afiada.

Aberto de domingo a domingo, para almoço. Mas o valor na balança muda durante a semana. De segunda a sexta, 42,90/kg. Sábado, domingo e feriados – R$44,90/kg (valores em maio de 2016). Telefone: (79) 3243-1448. Fecham em janeiro.

2.MACARRÃO AO VIVO: MACARRÃO MASSA

Foi no meio de uma mudança de apartamento, de um trecho para outro da Av. Canal 5, em 2012,  que percebi uma portinha lotada na mesma avenida, no lado oposto ao Hiper G.Barbosa. Com o carro cheio de bagulho e a barriga vazia, estacionei e fui lá matar a fome da minha curiosidade.

Macarrão Massa - Conjunto Augusto Franco - ARACAJU

Macarrão feito na hora, do seu modo, o que mais tarde viria saber tratar-se do tal “macarrão ao vivo”.

Macarrão Massa - Ingredientes - Augusto Franco - ARACAJU

Bem servido e saboroso. No meio da crise, até o refinado Spoleto  fechou, mas o Macarrão Massa continua firme e forte, com fila na porta aos finais de semana.

Macarrão ao vivo do Macarrão Massa - Augusto Franco - ARACAJU

Aberto de terça a domingo. Porções em três tamanhos P/M/G – 15,00/18,00/20,00 (valores em maio de 2016). Fica na Av. Canal 5, quase em frente ao ponto de ônibus da esquina do Cond. Mar Azul com o G.Barbosa < mas vá sabendo que o lugar é muito simples. O salão é apertadinho e abafado, o que dá para superar chegando cedo e escolhendo uma das mesas que ficam na calçada >.

3.PADARIA: PANIFICAÇÃO SANTA MARIA

Atrás dos prédios da Cohab, que ficam em frente ao Condomínio Mar Azul, exatamente por ser a mais próxima do Condomínio, era a ‘padaria dos estudantes’. Muita coisa mudou de lá pra cá, inclusive a padaria, que foi reformada recentemente e agora ostenta uma fachada pastilhada e elegante.

Panificação Santa Maria - ARACAJU

Daquela época, entretanto, permanecem alguns itens de sucesso, como o bolo de leite (que nós, particularmente, colocamos entre os melhores da cidade) e o pão de leite recheado com queijo coalho ( aí, no canto esquerdo da foto) que todos os dias esgota antes das 16h.

Aberta de segunda a sábado.

4.QUENTINHA E PRATO FEITO: BAR DO LUIZ

No outro extremo da Av. Canal 5, na última esquina antes da Av. Heráclito Rollemberg,  há mais de vinte anos o Bar do Luiz serve almoço, quentinhas e prato feito com tempero caseiro e preços populares.

Bar do Luiz - Av. Canal 5 - ARACAJU

“Bar” define bem o lugar, que tem toalhas de plástico, prato duralex e muvuca aos finais de semana.  Mas se quiser uma comida curta e grossa, que forre o estômago com gosto e não pese no bolso, essa é uma boa dica. Na foto – Prato feito – R$10,00 (em julho de 2016).

Prato Feito do Bar do Luís - Conjunto Augusto Franco - ARACAJU

Tem dentista, advogado e biomédico, que hoje só almoça na Cantina D’Itália mas, nos tempos de estudante ia feliz da vida pra casa, carregando uma quentinha do Seu Luiz no saco (ou na ‘bolsa’, como chamam em Sergipe). Continua cheio até hoje porque, apesar do lugar ser muito simples e não ter mudado uma vírgula nesses anos, a comida é saborosa e sua clientela é fiel. Se for sua praia, experimente o sarapatel e a dobradinha. Telefone: (79) 3248-3062. Não aceitam cartões.

5.CAFÉ NORDESTINO: TAPIOCA ALAGOANA

Três ‘canais’ paralelos são os eixos principais do Conjunto Augusto Franco: Canais 3, 4 e 5 (para onde foram o 1 e 2? Quem souber, deixa um comentário, por favor!).  A Avenida Canal 4, que também não é mais canal, hoje é a via que liga o Bairro Farolândia ao Conjunto Inácio Barbosa.

Av. Canal 4 (Av. Dr. ‘Adel Nunes’ no Google e ‘Josino José de Almeida’ nas placas ) – Conjunto Augusto Franco – ARACAJU

Nesta avenida, na praça da  feira de quarta-feira, próximo à Igreja Católica, está o tradicional ponto da Tapioca Alagoana.

Tapioca Alagoana - Conj.Augusto Franco - ARACAJU

Mais de 300 sabores de tapioca, café nordestino, torta de macaxeira  e um cardápio agoniante para os indecisos.

Cardápio - Tapioca Alagoana - ARACAJU

A tapioca generosa, de 27cm,  vem sempre bem recheada e pode até vir em dois sabores.

Tapioca de 27cm da Tapioca Alagoana - ARACAJU

O café nordestino também vale a pena. Na foto, cuscuz com charque – R$10,50 + café – R$2,25 (valores de junho de 2016).

Cuscuz recheado da Tapioca Alagoana

Aberto todos os dias, das 16h às 00h. Fechado às sextas.Telefone (79)3243-3740.

6.PIZZARIA: O RENATÃO

Há 30 anos no ‘Augusto Franco’ –  na Av. Canal 4, na segunda esquina depois da Av. Heráclito Rollemberg – O Renatão é um clássico do Conjunto. Todo mês, era sagrado: quando o dinheiro suado do estágio entrava na conta, todo mundo ia comemorar o ‘salário’ no rodízio de pizzas do Renatão. Era dos mais em conta e os mais gulosos comiam “até explodir” < nas palavras dos próprios personagens, que voltavam pra casa orgulhosos do feito > – Nos tempos de hoje, R$ 19,90 o rodízio de pizzas (valor em junho de 2016).

A pizza não é a mais extraordinária da vida, mas por todos os fatores simbólicos e afetivos que me ligam ao lugar, nunca deixo de comer lá.

Pizza do Renatão - Conj. Augusto Franco - ARACAJU

O buffet a quilo continua muito procurado, com variedade e boa comida. Nos últimos tempos, o cardápio foi ampliado e os preços continuam atrativos 😉

Renatão - Augusto Franco - ARACAJU

Aberto de domingo a domingo, para almoço e jantar. Telefone/Delivery (79) 3248-2800. Logo depois do Renatão, na mesma avenida, há outra pizzaria tradicional no Conjunto –  a Kalilândia. E também tem torcida para os dois lados. Há quem não abra mão da pizza da Kalilândia, mas há também quem afirme que a do Renatão é mais gostosa e menos oleosa. Ficam aí os dois pesos para que você tire suas próprias medidas.

7.GULOSEIMAS DA FEIRA: MERCADO MILTON SANTOS

Um bom bairro precisa de uma boa feira. E a feira do ‘Augusto Franco’ é uma das mais tradicionais da cidade. Há alguns anos teve seu antigo endereço totalmente reformado e reinaugurado como Mercado Milton Santos.

Mercado Milton Santos - Conj.Augusto Franco - ARACAJU

Entre os ‘ex-canais’ 4 e 5, olhando para o muro do aeroporto, na Av. Heráclito Rollemberg, o Mercado fica aberto de terça a domingo. Mas é aos finais de semana que ele borbulha com verduras e frutas  colorindo as bancas,  peixes e camarões fresquinhos reluzindo nas bacias e aquela bate-bate de gente querendo encher as sacolas com o tomate mais vermelho, a alface mais vistosa e a tapioca mais barata.

Feira do Augusto Franco-ARACAJU-foto do MissCheck-in.com

Pelo mercado, cada um acaba traçando suas próprias estratégias e definindo suas bancas preferidas. Mas, entre uma cebola e outra, na pausa do lanche, seu domingo merece:

 Um copinho de mungunzá ou mingau ou arroz doce do Cantinho da Dedé – R$ 2,00 o copinho de 200ml (em julho de 2016):

Cantinho da Dedé

Um café nordestino reforçado na praça dos bares e restaurantes do mercado. Todos por ali são bacanas. Puxe uma cadeira e permita-se mais uma gulodice. Nós gostamos do Box Bom Gosto e sua macaxeira [aipim/mandioca] derretendo na boca < o box não tem nome, mas fica ao lado da grade do mercado, olhando para o Cantinho da Dedé >.

E o clássico pastel com caldo de cana. Dentro do mercado tem uma banca de pastel, mas o nosso preferido fica fora, na rua do fundo (na direção oposta ao Aeroporto – Rua Promotor Joaquim Valença):  Pastelaria  da Vovó, com pastéis a partir de R$2,50.

Pastelaria da Vovó - Conjunto Augusto Franco - ARACAJU

O mercado ainda conta com iguarias da geração ‘fitness’. No Pavilhão da Agricultura Familiar você encontra farinha de linhaça, açúcar de coco e óleo de coco artesanal de Simão Dias [500ml por R$ 35,00 em maio de 2016]. Olha que vale a pena acordar mais cedo no domingo 😉

Óleo de Coco Artesanal - Mercado do Augusto Franco - ARACAJU

8.DICA EXTRA DO LEITOR: CACAU CONFEITARIA

E depois do post prontinho, no ar, a Clarissa Maia mandou esse dica deliciosa que a gente não podia deixar de fora: CACAU CONFEITARIA,  na Av. Canal 3, na segunda quadra após o ginásio do SESI (para quem trafega no sentido Inácio Barbosa – Av. Heráclito Rollemberg).

CACAU Confeitaria

É confeitaria e lanchonete. Nós investimos toda nossa expectativa calórica nas tortas… P-E-R-F-E-I-T-A-S! < a Casa Alemã do Augusto Franco > A fatia é bem generosa e custa R$7,00(valor em agosto de 2016). Aceitam encomendas. Aberto de segunda a sábado, das  8h30 às 21h.

Torta Prestígio - CACAU Confeitaria

E nosso tour universitário vai se encerrando por aqui.

No post estão apenas algumas das opções do Conjunto Augusto Franco. Se você tiver outras  dicas bacanas  por lá, deixa um comentário contando 😉

Para conhecer um pouco mais da história do Conjunto, tem um post com fotos antigas, do período de sua fundação, no blog do Professor Eudo Robson aracajusaudade.blogspot.com. Confira aqui.

Hospedagem em Córdoba: nossa experiência no Santiago Building – ARGENTINA

25 out

Como de costume,  a definição da nossa hospedagem em Córdoba levou em consideração o resultado mais rentável da equação ‘Preço/Localização’. Por tudo que já havia lido sobre a cidade, sabia que um lugar próximo ao centro, principalmente nas imediações da Plaza San Martin, seria a melhor opção.

Plaza San Martin - Cordoba - ARGENTINA

Plaza San Martin, Córdoba – ARGENTINA

Os preços e a disponibilidade foram nos distanciando da praça e, depois de muito rodar pelo Booking, gostei do Santiago Building, na Rua Santiago del Estero, entre o coração do centro da cidade e o Terminal Rodoviário (ponto importante para quem partiria de ônibus para Mendoza).

Mapa - Santiago Building - Córdoba

Na verdade, o Santiago Building não é hotel.  Trata-se de um  prédio estreitinho, com apartamentos compactos (quarto e sala), no n.123 da rua Santiago del Estero.

Santiago Building - CORDOBA-ARGENTINA

A rua não é das mais bonitas, uma rua normal, opaca, nos arredores do centro da cidade. O mais importante: perto de tudo. Fazíamos tudo a pé.

Rua Santiago del Estero - Córdoba.Argentina

Rua Santiago del Estero – Córdoba.

A movimentada Av.Chacabuco a duas quadras, com comércio variado, mercados onde abastecíamos nossa ‘casinha’ e a loja mais graciosa de alfajores que conheci na Argentina – La Costanera 😉

Av.Chacabuco, Córdoba-ARGENTINA

LaCostanera-Alfajores-Córdoba

O apartamento, uma gracinha! Simples, mas limpo e bem arrumado, aconchegante, na medida das nossas pretensões.

Quarto-SantiagoBuilding-Cordoba-ARGENTINA

Cozinha equipada, telefone, TV a cabo e wi-fi disponível.

CozinhaEquipada-SantiagoBuilding-Cordoba-ARGENTINA

O banheiro era o que menos agradava <tenho uma suave ‘fobia’ de banheiros em cores escuras> mas,  tecnicamente, tudo funcionava, incluindo o aquecimento da água no chuveiro e nas pias.

Banheiro - Santiago Building - Córdoba-ARGENTINA

 Ainda contávamos com uma pequena varanda voltada para a rua.

Sala - Santiago Building - Córdoba.Argentina

O prédio não é novo e também é muito simples. Conta com um elevador improvisado, escadas de ferro e não tem recepção/porteiro.

Escadaria do Santiago Building – não parece, mas essa porta de vidro, à esquerda, é o elevador – Córdoba.Argentina

No ato da reserva, você é informado que deverá fazer o check-in no Santiago Hotel, localizado no n.129 da mesma rua, separado do Santiago Building apenas por um prédio.

Santiago del Estero - n.123 e 129 - Cordoba.Argentina

Feito o check-in, você recebe suas chaves (uma da portaria e outra do apartamento) e fica independente 😉

Chaves do Apartamento - Santiago Building - CORDOBA-ARGENTINA

Serviço de quarto e limpeza, uma vez solicitados, são custos adicionais. Por um valor extra também é possível tomar café da manhã no Santiago Hotel (confira nossa dica para o café da manhã aqui)

Recepção do Santiago Hotel - Cordoba.Argentina

Recepção do Santiago Hotel, rua Santiago del Estero, 129, Cordoba -ARGENTINA

TÁXI  Aeroporto – Santiago Building: 169 pesos/ Santiago Building – rodoviária: 22 pesos (valores de maio de 2015)

TOMADAS 220v e  são compatíveis apenas com nosso antigo modelo de dois pinos redondos. Lembre sempre de levar o adaptador 😉

ENDEREÇO Rua Santiago del Estero, 123, Córdoba.

SITE  www.santiagobuilding.com.ar

 

OUTRAS DICAS 

– Para deixar sua viagem redondinha, confira:

Links úteis

Dicas para arrumar a mala

– Mais sobre Córdoba? Leia também

Jesus Maria: conhecendo os arredores de Córdoba.

Viajar de ônibus pela Argentina.

– Mais sobre Argentina? Leia também

O Básico de Mendoza – Dicas úteis.

Tour Alta Montanha – o passeio pela Cordilheira.

– Confira nossas dicas curtinhas e rapidinhas no  Instagram @misscheck

Todas as dicas dessa viagem estão na hashtag #argentinanomiss

As dicas de Córdoba você encontra na hashtag #cordobanomiss

E as dicas de Mendoza na hashtag #mendozanomiss